cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    AMOR OU AMIZADE

    Por Celso Sabadin
    22/05/2009

    O mesmo diretor (Robert Iscove) e o mesmo ator (Freddie Prinze Jr.) da simpática e divertida comédia romântica Ela é Demais uniram novamente suas forças e seus talentos para realizar uma outra comédia romântica. Também bastante simpática e divertida: Amor ou Amizade, que estréia esta semana em São Paulo.

    O filme pode ser um delicioso programa romântico a dois, desde que não se exija demais do roteiro. Amor ou Amizade assume rasgadamente seu lado "sessão da tarde", e está longe, muito longe, de ser surpreendente. Mas é uma ótima opção para aqueles dias em que a preguiça é maior que a vontade de pensar. Afinal, não faz mal nenhum ver belas imagens de San Francisco (e gente bonita) desfilando pela tela. Alienação total, com bom gosto. Por que não?

    Raso como piscina de jardim da infância, o roteiro mostra os quatro anos de faculdade de um jovem casal. Ryan (Freddie Prinze Jr.) é o típico CDF, estudioso, certinho, careta. E Jennifer (a linda inglesa Claire Forlani, de Encontro Marcado) é descolada, liberal, curte a vida intensamente. Apesar das diferenças, os dois acabam formando uma sólida amizade, mas se recusam terminantemente a namorar. Afinal, a cama poderia estragar a amizade de forma irreversível. É claro que esta situação não vai ser sustentada durante muito tempo.

    O tema da amizade que poder virar amor já havia sido explorado com mais profundidade (e mais graça) no ótimo Harry e Sally - Feitos um Para o Outro, mas isso não tira o mérito de Amor ou Amizade. O filme de Iscove procura falar mais de perto aos adolescentes e pré-adolescentes, enquanto o anterior é muito mais direcionado ao pessoal na faixa dos 30 anos.

    Sem pretensões, Amor ou Amizade agrada. Só é um pouquinho difícil engolir que Freddie Prinze Jr. (24 anos) e Claire Forlani (28) possam interpretar adolescentes de 16. Porém, o carisma e a química de ambos supera este pequeno problema cronológico. E afinal das contas, cinema é fantasia, não é?


    14 de novembro de 2000
    ----------------------------------------
    Celso Sabadin é jornalista especializado em cinema desde 1980. Atualmente é crítico de cinema da Rede Bandeirantes de Rádio e Televisão e do Canal 21. Às sextas-feiras é colunista do Cineclick.
    celsosabadin@cineclick.com.br