cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    CONFISSÕES DE ADOLESCENTE

    Apesar de pressuroso por vezes, filme é leve e divertido
    Por Roberto Guerra
    09/01/2014

    Seriado de sucesso exibido pela TV Cultura, Confissões de Adolescente é inspirado no livro de Maria Mariana, filha do cineasta Domingos Oliveira. Foi transformado em peça teatral, levado à televisão e agora chega aos cinemas pelas mãos de Daniel Filho (Se Eu Fosse Você) e Cris D'Amato.

    O êxito de Confissões de Adolescente sempre esteve ligado à honestidade com a qual tratou os personagens que vivem dúvidas e dilemas típicos da fase entre os 13 e os 19 anos. E o grande mérito do filme é repetir essa franqueza. O sexo, por exemplo, ganha abordagem franca e direta, sem enfoque recatado na tentativa de atingir um público-alvo mais abrangente.

    A versão televisiva foi protagonizada pela própria Maria Mariana, Daniele Valente, Georgiana Goés e Deborah Secco (as atrizes fazem participações especiais no longa), que interpretavam as quatro irmãs filhas do personagem de Luiz Gustavo. No filme, as personagens são vividas pelas atrizes Sophia Abrahão, Bella Camero, Malu Rodrigues e Clara Tiezzi.

    Elas são Tina, Bianca, Alice e Karina. Quando o pai (Cássio Gabus Mendes) avisa que terão de se mudar do apartamento onde vivem por causa do aumento excessivo do aluguel, as meninas prometem economizar dinheiro e ajudar nas tarefas domésticas para tentar reverter a decisão. Enquanto enfrentam a possibilidade da indesejada mudança de endereço, cada uma vive um drama comum à idade: o primeiro beijo, a primeira relação sexual, o primeiro emprego, o primeiro rompimento amoroso.

    O problema de Confissões de Adolescente está em sua limitação temporal, que impede o bom desenvolvimento dos dramas pessoais vividos pelas meninas. O seriado lidava bem com isso por conta da flexibilidade para desenvolver sem pressa o enredo, construindo-o episódio a episódio. A montagem não conseguiu resolver a questão e o filme salta excessivamente de uma subtrama para a outra, o que o torna um tanto disperso e pouco profundo.

    Apesar disso, Confissões de Adolescente progride a contento sustentado nas boas atuações do elenco principal. O rendimento das jovens atrizes é uniforme e leva verdade às personagens, sem sinal de artificialismo. O resultado é um filme leve e divertido em que o público adolescente vai poder acompanhar questões de seu cotidiano com sinceridade e bom humor. Os mais velhos, por sua vez, vão curtir pela inevitável nostalgia que desperta.