cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    EU QUERIA TER A SUA VIDA

    Mais um filme sobre a troca de corpos, comédia se perde ao tentar ser politicamente incorreta<br />
    Por Celso Sabadin
    03/10/2011

    Depois de Um Espírito Baixou em Mim, Tal Pai, Tal Filho, De Repente 30, Big - Quero Ser Grande, Se Eu Fosse Você e de tantas, tantas outras comédias iguais (umas mais iguais que as outras), o cinema ainda continua produzindo filmes sobre corpos e personalidades trocados por um passe de mágica.

    Encara mais uma? Então lá vai: Dave (Jason Bateman) e Mitch (o Laterna Verde Ryan Reynolds) são dois grandes amigos. Dave é advogado, casado, rico, três filhos, esposa, Range Rover e uma bela casa. Mitch é ator de segunda categoria, solteiro, descompromissado, galinha. E um tem inveja da vida que o outro leva. Sim, sim, claro, você já adivinhou tudo: eles vão trocar de corpos, etc etc etc...

    Tudo igual a tudo o que você já viu antes. Mas com uma diferença: na tentativa de ser mais adulto, tentando imitar Se Beber, Não Case (aliás, os roteiristas são os mesmos), o diretor David Dobkin (que havia se dado melhor em Penetras Bons de Bico), confunde politicamente incorreto com grosseria, erra na mão, exagera no chulo e põe tudo a perder.

    Mais para o final do filme, parece que se arrepende, tenta dar lições de moral, erra a mão novamente e transforma o que deveria ser uma comédia num draminha romântico de terceira categoria.

    Um desastre esquizofrênico. Claro que muita gente vai gostar. Não tem gente que gosta de Cilada.com? Então!