cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    INVERNO DA ALMA

    Drama independente trabalha no limite da tristeza numa relação tempestuosa entre filha e pai<br />
    Por Celso Sabadin
    27/01/2011

    Um pedaço da América triste. Podre, drogada, escondida entre segredos sórdidos. Tudo isso personificado na vida de Ree (Jennifer Lawrence, indicada ao Globo de Ouro), uma adolescente que vive no interior dos EUA lutando para sustentar sua mãe, enlouquecida, e seus dois irmãos pequenos. Longe, muito longe da imagem de prosperidade e modernidade que Hollywood costuma vender para o mundo, Ree é obrigada a caçar esquilos para dar comida aos seus irmãos.

    Tudo piora quando ela recebe a notícia que seu pai, foragido da condicional, colocou a casa da família como garantia de sua pena. E agora a garota está prestes e perder, literalmente, tudo o que tem. A menos que consiga encontrá-lo, vivo ou morto.

    Vencedor do Grande Prêmio do Júri no Festival Sundance 2010, e indicado a sete Independent Spirit (o Oscar do cinema independente americano), Inverno da Alma leva ao limite extremo o velho tema do filho (no caso, filha) à procura do pai. A narrativa é submersa num clima de dor e tristeza que parece jamais ter fim.

    Melancólicas canções country embalam o desespero desta menina que se vê obrigada a se tornar adulta antes do tempo, e mais, fazer das tripas coração para manter unido o que resta de sua família. Trata-se de um filme de expressões fechadas, desconfianças mútuas, mentiras submersas. Não há espaço para sorrisos.

    Um belo e triste trabalho de direção da quase estreante Debra Granik (seu primeiro longa, inédito no Brasil, foi feito em 2004) a partir do livro de Daniel Woodrell, o mesmo autor do livro que originou o filme Cavalgada com o Diabo, com Tobey Maguire.