Pôster de Mulher Infernal

MULHER INFERNAL

(Saving Silverman / Evil Woman)

2001 , 90 MIN.

14 anos

Gênero: Comédia

Estréia: 01/03/2002

página inicial do filme
  • Ficha técnica

    Direção

    • Dennis Dugan

    Equipe técnica

    Roteiro: Greg DePaul, Hank Nelken

    Produção: Neal H. Moritz, Warren Carr

    Fotografia: Arthur Albert

    Trilha Sonora: Mike Simpson

    Estúdio: Columbia Pictures, NPV Entertainment, Original Film, Province of British Columbia Production Services Tax Credit, Village Roadshow Pictures

    Montador: Debra Neil-Fisher

    Distribuidora: Columbia Tristar Buena Vista Films of Brasil, Inc.

    Elenco

    Amanda Detmer, Amanda Peet, Andrew McIlroy, Brett Armstrong, Christopher Logan, Colin Foo, Esme Lambert, Frank Frazier, Jack Black, Jason Biggs, Kyle Gass, Lillian Carlson, Max Fomitchev, Neil Diamond, Norman Armour, Oscar Goncalves, Patrick Pfrimmer, R. Lee Ermey, Steve Zahn, Tony Parsons

  • Crítica

    22/05/2009 11h03

    Grandes amigos de infância. Assim são Darren (Jason Biggs, de American Pie), Wayne (Steve Zahn, de Dr. Dolitte 2) e J. D. (Jack Black, de O Amor é Cego). No segundo grau, Wayne passou a jogar na equipe de futebol americano, J. D. tornou-se mascote do time e Darren, seu líder de torcida. E os três se tornaram ainda mais amigos. Já crescidos, eles montaram nada menos que uma banda cover do antigo cantor romântico Neil Diamond. A amizade entre eles parecia mais sólida do que nunca. Pelo menos até a entrada em cena da bela Judith (Amanda Peet), uma psiquiatra fria e calculista que “rouba” Darren do grupo. Assim como uma moderna Yoko Ono (guardadas as devidas proporções), Judith acaba provocando o rompimento da banda. Mas seus amigos não se conformam com a situação e vão fazer de tudo para salvar Darren das garras da terapeuta.

    Comédia romântica dirigida por Dennis Dugan (o mesmo de O Paizão), especialmente direcionada ao mercado adolescente norte-americano. Desta vez, porém, Dugan não conseguiu obter o mesmo êxito comercial do filme estrelado por Adam Sandler: Mulher Infernal não conseguiu sequer cobrir seus custos de produção nas bilheterias dos Estados Unidos e agora vai tentar melhor sorte em vídeo (o DVD já está disponível no Exterior). O filme também teve problemas de marketing e lançamento e acabou ficando com dois títulos diferentes no mercdo internacional: Evil Woman e Saving Silvermann. Sua estréia no Brasil também foi adiada e somente agora o filme consegue finalmente espaço em nossas salas. Enfim, uma sucessão de erros. Dentro e fora da tela.

    28 de fevereiro de 2002
    ____________________________________________
    Celso Sabadin é jornalista e crítico de cinema da Rádio CBN. Às sextas-feiras, é colunista do Cineclick. celsosabadin@cineclick.com.br



Deixe seu comentário
comments powered by Disqus