Entrevista: Jeremy Renner comenta sobre o Gavião Arqueiro em Era de Ultron

Ator falou sobre os bastidores e os novos detalhes de seu personagem

20/04/2015 16h10

Por Pedro Tritto

Depois de passar grande parte de Os Vingadores - The Avengers em um estado hipnótico, induzido por Loki (Tom Hiddleston), em Vingadores: Era De Ultron o público vai saber bem mais sobre o Gavião Arqueiro, interpretado por Jeremy Renner.

Mais uma vez, o personagem da Marvel está a disposição da equipe de heróis e promete ajudar Homem de Ferro (Robert Downey Jr.), Hulk (Mark Ruffalo), Thor (Chris Hemsworth), Capitão América (Chris Evans), Viúva Negra (Scarlett Johansson) e companhia a destruir o sádico vilão Ultron (James Spader).

Leia abaixo a entrevista exclusiva do Cineclick com Renner e saiba mais detalhes sobre a nova jornada do Gavião Arqueiro no novo filme dos Vingadores. Confira:

Como o diretor Joss Whedon te informou que o Gavião Arqueiro teria uma participação maior em Era de Ultron?

Foi bem no início, antes de existir um roteiro de verdade. Eu vi Joss numa festa e ele disse que quase tudo que havíamos conversado sobre fazer no primeiro ia entrar nesse, mas com um toque diferente. Joss e eu adoramos o personagem e não pudemos explorá-lo muito no filme anterior. Foi muito legal poder abordar o lado humano do Gavião Arqueiro e isso foi o que mais me atraiu para o papel, pois ele é um personagem humano, com defeitos e limitações.

Os Vingadores: A Era de Ultron

 


Como é o relacionamento do Gavião Arqueiro com Tony Stark nesse novo filme?

É um pouco diferente agora. Desta vez, o relacionamento deles é um pouco mais aprofundado. Ainda tem muita coisa para explorar sobre os dois e é bem divertido trabalhar com Robert Downey Jr., pois ele sabe manter o ambiente de trabalho vibrante e renovado. Você nunca sabe o que sairá da boca dele. Eu gosto disso.


O que James Spader traz para o papel do vilão Ultron?

Spader traz muito peso, personalidade e humanidade para o papel. Ele trouxe para o personagem o temperamento de um menino de 14 anos raivoso e sua nobreza como ator equilibrou isso. Spader é realmente incrível, pois humanizou algo que não é humano.


O Gavião Arqueiro tem alguns aprimoramentos neste filme. O que você pode falar sobre isso?

Nós temos algumas novas tecnologias e isso tem muito a ver com a tecnologia Stark. Temos diferentes tipos de flechas. Algumas delas são explicadas, outras não e outras são só mostradas. Também temos uma arma de repetição, com umas 10 flechas, que me permite não puxar o arco o tempo todo.

Os Vingadores: A Era de Ultron

 


Quais foram suas cenas favoritas de filmar?

Eu gostei da cena do martelo, que foi a cena da festa. Eu realmente gostei dela porque não tinha nada a ver com tecnologia, jargões ou qualquer coisa desse tipo. Os Vingadores só estão se divertindo. Além disso, gostei das cenas de ação. Acho que pude contribuir muito para isso. Eu tive várias ideias e foi aí que Joss (Whedon, diretor) me deixou agir, afinal, ele não me disse como lançar uma flecha e o que fazer. Qualquer coisa relativa às cenas de ação teve um aspecto criativo para mim. Já quando se tratava de outras coisas, eu só tinha que ajudar a contar essa história gigante.


Em que aspectos Era de Ultron é diferente do primeiro filme?

É muito simples. Tudo que deu certo no primeiro longa está exponencialmente melhor neste. De certa forma, os relacionamentos estão mais profundos, os vilões também são diferentes e as cenas de ação são loucas. É um mundo muito maior, pois há novos personagens e muito mais coisas em jogo neste filme. O que eu gostei no primeiro filme foi que ele não se levava muito a sério. É por isso que ele ultrapassou o limite dos fãs e atingiu um público mais amplo.

Com estreia marcada para a próxima quinta-feira (23), Vingadores: Era de Ultron conta com o retorno da equipe de heróis, que precisa enfrentar um sádico vilão que deseja exterminar toda a raça humana da Terra. Assista abaixo ao trailer do longa: