cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    17º CINE CEARÁ: Filmes emocionam a platéia

    Por Da Redação
    04/06/2007

    Ainda é cedo para dizer. Afinal, estamos apenas no segundo dia da Mostra Competitiva do 17º Cine Ceará, mas, pelo menos até o momento, o evento já mostrou dois grandes filmes que podem ser considerados favoritos a premiações: o curta-metrage Vida Maria, do cearense Márcio Ramos, e o longa Querô, do paulista Carlos Cortez. Para os freqüentadores do circuito dos festivais, os dois filmes não são exatamente novidade, pois já foram premiados em outros eventos, mas para quem os vê pela primeira vez, o entusiasmo é inevitável.

    Vida Maria é o filme de estréia de Márcio Ramos, jovem realizador com experiência no mercado publicitário, mas que nunca havia realizado antes um filme fora desse mercado. O resultado é surpreendente e emocionante. Em pouco mais de oito minutos de animação de primeira qualidade, o curta mostra o desesperador ciclo de vida das pobres "Marias" sem futuro que habitam por todo o País. "Tive a idéia de fazer este filme e um amigo meu me disse para fazê-lo em animação, pois assim ficaria pronto em dois meses. Que nada! Demorei dois anos para terminá-lo", diz o bem-humorado diretor, já premiado em Cuiabá e Recife.

    O longa-metragem Querô é um forte drama baseado na obra homônima de Plínio Marcos. Dirigido por Carlos Cortez e totalmente filmado na cidade paulista de Santos, o filme é um contundente painel sobre meninos de rua, personificados no personagem Querô (o ótimo estreante Maxwell Nascimento), garoto abandonado pela sua mãe poucos dias após seu nascimento. O filme deve estrear no circuito comercial na primeira quinzena de agosto e garantiu fortes emoções à platéia presente no Cine Ceará.