cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    A Hora Mais Escura: Longa estreia sob investigação militar nos EUA

    O filme com estreia prevista para a próxima sexta-feira nos EUA é acusado de apologia à tortura
    Por Cristina Tavelin
    17/12/2012

    O roteirista Mark Boal e a diretora Kathryn Bigelow (Guerra ao Terror) resolveram detalhar a operação de "caça" ao terrorista Osama Bin Laden no longa A Hora Mais Escura. Mas o Tio Sam não poderia deixar isso sair barato.

    O filme com estreia prevista para a próxima sexta-feira nos EUA está sob investigação militar, acusado de apologia à tortura.

    Boal investigou relatórios de inteligência e entrevistou envolvidos com a operação para encontrar o terrorista, além de viajar para o Paquistão e ouvir militares locais, entre outras atitudes audaciosas. A apuração levou o Pentágono a investigar seu acesso a documentos confidenciais.

    O longa indica que a CIA arrancou informações sobre Bin Laden em sessões violentas de tortura. Jessica Chastain, atriz indicada ao Globo de Ouro que interpreta a agente Maya, afirmou ao New York Times: "Não é o melhor momento dos Estados Unidos e o filme tem coragem de mostrar isso".

    A Hora Mais Escura - um dos favoritos ao Oscar ao lado de Lincoln -,estreia dia 18 de janeiro no Brasil.