cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    A noite é de Marat Descartes na abertura da 17ª Mostra Tiradentes

    Ator recebe homenagem emocionante e brilha na tela na pré-estreia nacional de Quando Eu Era Vivo
    Por Roberto Guerra, enviado especial a Tiradentes
    25/01/2014
    Marat Descartes

    O paulistano Marat Descartes não é um novato na arte de interpretar. Formado em artes dramáticas pela USP, acumula uma sólida e bem-sucedida carreira de 20 anos no teatro e cinema. Não à toa a Mostra Tiradentes de Cinema rendeu-lhe uma tocante homenagem na noite de abertura de sua 17ª edição, seguida da primeira exibição pública do novo longa do ator, Quando Eu Era Vivo.

    O homenageado recebeu o Troféu Barroco em reverência à carreira das mãos de Gero Camilo. Amigo de Marat dos tempos de faculdade, Camilo entrou no palco cantando o samba "Vem Amor", de sua própria autoria; desceu à plateia e foi buscar o parceiro de tablado, que também deu uma breve palhinha para o público que lotou o Cine-Tenda no centro de Tiradentes.

    "Já passei por momentos de grande emoção em minha carreira, como o tapete vermelho de Cannes, de Gramado, mas emoção como a de hoje...Vocês me proporcionaram isso, reuniram minha família, meus melhores amigos", disse o ator sem conseguir conter as lágrimas. Marat dedicou o prêmio à esposa, a bailarina Gisele Calazans, suas três filhas e à mãe.

    Minutos depois da homenagem o público de Tiradentes assistiu à Quando Eu Era Vivo. No filme o ator retoma a parceria com o diretor de Trabalhar Cansa, Marco Dutra, e divide a cena com Antônio Fagundes e Sandy Leah.

    Baseado no livro A Arte de Produzir Efeito Sem Causa, de Lourenço Mutarelli, Quando Eu Era Vivo conta a história de Júnior (Descartes), homem que passa por um divórcio traumático e busca abrigo na casa do pai, Sênior (Antonio Fagundes), com quem mantinha relação distante. A volta desencadeia uma tensão progressiva que põe pai e filho numa rota de colisão que surpreendeeu e agradou o público em Tiradentes.

    A 17ª edição do Festival Tiradentes de Cinema segue até o dia 1º de fevereiro. Acompanhe a cobertura diária do evento no Cineclick.

    Serviço
    17ª Mostra Tiradentes de Cinema
    Quando: de 24 de janeiro a 1º de fevereiro
    Onde: Tiradentes (MG)
    Quanto: gratuito
    Programação: mostratiradentes.com.br