cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Allison Mack: Vizinho revela que atriz pode ter abusado de garota de oito anos

    O ato aconteceu antes da exposição da atriz com as acusações do tráfico sexual
    Por Thamires Viana
    03/07/2018

    De acordo com o site ArtVoice, um vizinho da atriz Allison Mack revelou que ela pode ter abusado de uma menina de 8 anos em Knox Woods, próximo da casa onde morava com o líder de culto de tráfico sexual da qual fazia parte, Keith Raniere.

    A garota era uma ginasta iniciante e Mack passava o tempo com ela encorajando-a e possivelmente dizendo à criança que ela merecia conhecer um homem maravilhoso que poderia ajudar a realizar seus sonhos juvenis de se tornar uma atleta olímpica.

    O vizinho conta que testemunhou isso interagindo com Mack algumas vezes e que sentiu que o relacionamento era inadequado. Ele chegou a dizer que uma vez - e apenas uma vez - ele pessoalmente viu a atriz acariciar a garota sobre o peito dela.

    Perguntado se a atitude poderia ser acidental, ele fiz que acreditava que era inapropriado tocar a menina e esfregar o peito dela daquele jeito. O ato aconteceu antes da exposição de Raniere e Mack com as acusações do tráfico sexual. 

    Relembre o caso

    O Sun Online revelou no ano passado que Mack havia recrutado aproximadamente 25 mulheres para o suposto culto de escravidão sexual. A matéria foi publicada juntamente com uma entrevista com Frank Parlato, ex-membro do grupo que, após ser expulso, resolveu revelar os segredos do grupo. 

    Segundo Parlato, o grupo chamado DOS, derivado do grupo de autoajuda conhecido como NXIVM, é responsável por "fazer uma lavagem cerebral" em jovens mulheres, além de puní-las fisicamente e chantageá-las usando suas informações pessoais e fotos nuas. Kristin Kreuk, a Lana Lang de Smallville, também faz parte da seita.

    As seguidoras são obrigadas a viver com uma dieta restrititiva - de até 800 calorias por dia - e precisam recrutar outras mulheres para a seita, como em um esquema de pirâmide. Caso não consigam, são submetidas a castigos físicos, como surras com pás.

    As jovens também têm a pele marcada à ferro com um símbolo que supostamente inclui as iniciais de Allison Mack e de Keith Raniere, fundador do grupo.

    Mack é responsável por comandar as mulheres que fazem parte do culto, mas todas as suas decisões são tomadas por Raniere, que seria o seu "mestre".

    Cicatrizes