cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Bilheteria EUA: Fragmentado continua no topo e Resident Evil faz estreia tímida

    Três estreias da semana entraram no top 10
    Por Iara Vasconcelos
    30/01/2017

    O thriller Fragmentado, que traz James McAvoy na pele de um homem com 23 personalidades diferentes, continua indo bem nas bilheterias americanas e conquistou novamente o primeiro lugar, com US$ 26,3 milhões arrecadados.

    Dentre as estreias da semana, o polêmico drama Quatro Vidas De Um Cachorro teve o melhor desempenho, ficando na segunda posição com US$ 18 milhões. O longa chegou a sofrer ameaças de boicote após um vídeo dos bastidores, que mostrava um dos cachorros sendo obrigado a entrar em uma piscina de água, caiu na net e gerou acusações de maus tratos.

    Estrelas Além Do Tempo, indicado a "melhor filme" no Oscar 2017, também permance entre os mais vistos do país com US$ 14 milhões faturados. O longa conta a trajetória das mulheres negras que fizeram história na NASA.

    A decepção ficou por conta de Resident Evil: O Capítulo Final, que alcançou apenas o quarto lugar em sua semana de estreia e embolsou tímidos US$ 13,8 milhões. O filme mostra a volta de Alice à cidade de Raccoon City e pode ser o último da franquia.

    O musical La La Land - Cantando As Estações, recordista com 14 indicações ao Oscar 2017, embolsou US$ 12 milhões e ficou na quinta posição da lista.

    Confira o top 10:

    1. Fragmentado - US$ 26,3 milhões
    2. Quatro Vidas De Um Cachorro - US$ 18 milhões
    3. Estrelas Além Do Tempo - US$ 14 milhões
    4. Resident Evil: O Capítulo Finall - US$ 13,8 milhões
    5. La La Land - Cantando As Estações - US$ 12 milhões
    6. Xxx: Reativado - US$ 8,2 milhões
    7. Sing - Quem Canta Seus Males Espanta - US$ 6,2 milhões
    8. Rogue One: Uma História Star Wars - US$ 5,1 milhões
    9. Monster Trucks - US$ 4,1 milhões
    10. Ouro E Cobiça - US$ 3,5 milhões