Bom Dia, Verônica: motivos para maratonar a série nacional de suspense

Série estrelada por Tainá Müller, Camila Morgado e Eduardo Moscovis chega à Netflix nesta quinta (01)

30/09/2020 16h50

Por Thamires Viana

Bom Dia, Verônica, série baseada no romance policial homônimo da criminóloga Ilana Casoy e do escritor Raphael Montes, chega à Netflix nesta quinta-feira (01) com uma trama de tirar o fôlego. Repleta de suspense e muita ação, a atração estrelada por Tainá Müller, Camila Morgado e Eduardo Moscovis se diferencia dos demais dramas policiais ao inserir elementos pouco abordados no Brasil, o que faz dela ainda mais original e instigante.

Na trama, a escrivã Verônica Torres, personagem de Tainá, mergulha em duas investigações intensas para ajudar mulheres que são vítimas da violência e da injustiça. Determinada, ela bate de frente com seus superiores e assume o controle das situações.

O primeiro caso que desperta os instintos de justiça de Verônica é o de uma mulher enganada por um golpista da internet. Já o outro envolve Janete (Camila), a esposa de um serial killer inteligente e perigoso vivido por Eduardo Moscovis.

Reunimos alguns motivos para você maratonar Bom Dia, Verônica:

Abordando um serial killer

Eduardo Moscovis - Bom Dia, Verônica

Histórias envolvendo serial killers não são comuns no audiovisual brasileiro e isso, de cara, é um dos elementos que se destacam em Bom Dia, Verônica. Abordada com mais frequência em produções americanas, a temática se popularizou entre o público por trazer histórias instingantes e curiosas às telas. O acerto da nova série é dar uma cara abrasileirada ao tema, colocando Brandão, o assassino vivido por Eduardo Moscovis, como um típico homem brasileiro que usa, muitas vezes, da desigualdade social do país para encontrar suas vítimas.

O ator revelou em entrevista exclusiva ao Cineclick que teve muitas dificuldades de encarar seu personagem. "Foi pouco prazeroso. Eu agradecia imensamente o convite, mas foi muito difícil estar nesse lugar de dar voz e corpo a esse comportamento". 

Ritmo frenético e roteiro exemplar

Tainá Muller em Bom Dia, Verônica

A série segue uma dinâmica muito radical e acertiva para contar sua história, deixando o público sem fôlego em diversos momentos! Um dos destaques é a intensa perseguição de Verônica com Brandão, o assassino vivido por Moscovis, que cria muitas camadas de intensidade no thriller ampliando o ritmo frenético a cada episódio.

O roteiro é excelente ao interligar pontos da vida pessoal e profissional de Verônica usando tomadas de flashback para justificar as atitudes dela no decorrer da temporada. Além disso, o aprofundamento dos personagens é eficaz gerando no público sentimentos em relação a eles. Ao mesmo tempo, o roteiro mesclado à direção de José Henrique Fonseca, Izabel Jaguaribe e Rog de Souza mantém o ritmo equilibrado ao deixar ganchos ao final de cada capítulo para fazer o público dar o play no próximo sem nem hesitar. 

Ilana Casoy e Raphael Montes

Ilana Casoy e Raphael Montes

A dupla de escritores tem um dom especial na hora de contar histórias de crimes. Raphael, escritor de suspense literário, traz às páginas de seus livros personagens cativantes e mistérios que invadem a mente dos leitores. Já Ilana, criminóloga e escritora, se tornou especialista em serial killers e em perfis psicológicos de criminosos. Juntos, eles escreveram em 2016 o livro homônimo sob o pseudônimo de Andrea Killmore, e garantiram uma tiragem de grande sucesso nas livrarias brasileiras. 

A adaptação televisiva foi criada por Raphael e roteirizada por ele em parceria com Ilana, que também assina como produtora-executiva da atração. A participação da dupla na sala de roteiro, que também contou com Gustavo Bragança, Davi Kolb e Carol Garcia, trouxe uma fidelidade sem igual à trama, o que vai agradar aqueles que gostaram do romance e, claro, quem vai conhecer agora essa instigante história.

Vale lembrar que Ilana e Raphael assinam também os roteiros de A Menina Que Matou Os Pais e O Menino Que Matou Meus Pais, dois filmes que estreiam em 2021 e abordarão o caso Von Richthofen. 

Bom Dia, Verônica chega à Netflix nesta quinta-feira (01) com oito episódios de 45 minutos.

Confira o trailer oficial:


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus