Bryan Singer faz acordo sobre acusação de estupro de menor

Diretor de X-Men ainda alega inocência

13/06/2019 14h51

Bryan Singer preferiu encerrar o processo em que é acusado de estuprar um menor de idade em 2013 durante uma festa em Seattle. O acordo foi de US$ 150 mil dólares e o advogado do diretor, Andrew Brettler, reafirmou que seu cliente é inocente e que o acerto é baseado apenas em negócios.

Mais US$ 60 mil dólares da ação serão destinados a credores de Cesar Sanchez-Guzman, autor da acusação.

Singer ainda responde a mais quatro acusações de assédio sexual como relata o site The Atlantic.


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus