cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    CANNES 2008: Filme de Walter Salles é selecionado

    Por Da Redação
    23/04/2008

    Na manhã desta quarta-feira (23/4), a organização do Festival de Cannes divulgou os longas-metragens selecionados para exibição da edição deste ano, realizada na Riviera Francesa entre os próximos dias 14 a 25 de maio. O que chama atenção à primeira vista, pelo menos aos brasileiros, é a presença do novo longa de Walter Salles e Daniela Thomas, Linha de Passe, entre a lista das produções exibidas em competição. Finalizado recentemente, o filme será exibido para o público pela primeira vez no evento francês.

    Em entrevista coletiva, o diretor geral, Thierry Frémaux, e o presidente do evento, Gilles Jacob, anunciaram a participação de mais 20 filmes da seleção oficial da mostra. Representando a América do Sul, junto de Salles, estão os agentinos Lucrecia Martel, com La Mujer Sin Cabeza e Pablo Trapero, com Leonera.

    Outros cineastas consagrados também escolheram o Festival de Cannes para exibir seus filmes pela primeira vez, como é o caso de Steven Soderbergh (Treze Homens e um Novo Segredo), que apresentará o projeto Che - sobre o revolucionário Che Guevara, interpretado por Benicio Del Toro, em competição no evento. The Changeling, no qual Clint Eastwood dirige Angelina Jolie, é outro destaque entre os longas que concorrem à Palma de Ouro.

    Estes nomes em competição prometem dar um toque mais hollywoodiano ao evento, mas a organização também selecionou algumas "figuras carimbadas" no Festival de Cannes, como Atom Egoyan, que concorreu à Palma de Ouro em 2005 com seu último filme, Verdade Nua. Este ano, ele apresenta seu novo trabalho, Adoration, podendo sair com prêmios do evento. Jia Zhang-Ke, diretor de Em Busca da Vida, apresenta 24 City, e o francês Philippe Garrel (Amantes Constantes) é selecionado, pela primeira vez em sua carreira para competir em Cannes com La Frontiere de l'aube. Os irmãos Dardenne, que venceram a Palma de Ouro em 2005 por A Criança, podem levar para casa o cobiçado prêmio novamente com seu novo trabalho, The Silence of Lorna. O júri será presidido pelo ator e cineasta Sean Penn (Na Natureza Selvagem).

    A organização confirmou os boatos que rolavam: Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal, de Steven Spielberg, terá sua pré-estréia mundial no festival francês, conforme havia comentado o ator John Hurt (Manderlay). Além disso, a animação Kung Fu Panda, o drama coreano The Good, the Bad, the Weird, de Kim Jee-woon (Medo), e Vicky Cristina Barcelona, novo filme de Woody Allen, também serão exibidos em Cannes. Ashes of Time Redux, de Wong Kar-wai (Um Beijo Roubado), também foi selecionado. Diferentemente do que a atriz Sarah Jessica Parker havia revelado, Sex and the City - O Filme não foi anunciado na programação pelos organizadores.

    Dentre os filmes selecionados nas mostras paralelas, temos a exibição de A Festa da Menina Morta, estréia do ator Matheus Nachtergaele na direção de um longa. O filme será exibido na mostra Un Certain Regard (Um Certo Olhar). O Som e o Resto, de Andre Lavaquial, está na mostra Cinefondation e é outro representante brasileiro este ano.

    Confira a lista completa dos longas selecionados:

    Em Competição:
    24 City (China), de Jia Zhangke
    Adoration (Canadá), de Atom Egoyan
    Changeling (EUA), de Clint Eastwood
    Che (The Argentine e Guerrilla (Espanha), de Steven Soderbergh
    Un Conte de noel (França), de Arnaud Desplechin
    Daydreams (Turquia), de Nuri Bilge Ceylan
    Delta (Alemanha/ Hungria), de Kornel Mundruczo
    Il Divo (Itália), de Paolo Sorrentino
    Gomorra (Itália), de Matteo Garrone
    La Frontiere de l'aube (França), de Philippe Garrel
    Leonera (Argentina/ Coréia do Sul), de Pablo Trapero
    Linha de Passe (Brasil), de Walter Salles e Daniela Thomas
    La Mujer sin cabeza (Argentina), de Lucrecia Martel
    My Magic (Cingapura), de Eric Khoo
    The Palermo Shooting (Alemanha), de Wim Wenders
    Serbis (Filipinas), de Brillante Mendoza
    The Silence of Lorna (Reino Unido/ França), de Jean-Pierre Dardenne e Luc Dardenne
    Synecdoche, New York (EUA), de Charlie Kaufman
    Waltz With Bashir (Israel), de Ari Folman

    Fora de Competição:
    Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal (EUA), de Steven Spielberg
    Kung Fu Panda (EUA), de Mark Osborne, John Stevenson
    The Good, the Bad, the Weird (Coréia do Sul), de Kim Jee-woon
    Vicky Cristina Barcelona (EUA/ Espanha), de Woody Allen

    Midnight Screenings:
    Maradona (Espanha/ França), de Emir Kusturica
    Surveillance (EUA), de Jennifer Lynch
    The Chaser (Coréia do Sul), de Na Hong-jin

    Exibições Especiais:
    Ashes of Time Redux (China), de Wong Kar-wai
    Of Time and the City (Reino Unido), de Terence Davies
    Roman Polanski: Wanted and Desired (EUA/ Reino Unido), de Marina Zenovich
    Sangue Pazzo (Crazy Blood) (Itália/ França), de Marco Tullio Giordana

    Exibição do Presidente do Júri:
    The Third Wave (EUA), de Alison Thompson

    Um Certo Olhar
    A Festa da Menina Morta (Brasil), de Matheus Nachtergaele
    Afterschool (EUA), de Antonio Campos
    De Ofrivilliga (Suécia), de Ruben Ostlund
    Je veux voir (França), de Joana Hadjithomas e Khalil Joreige
    Johnny Mad Dog (França), de Jean-Stephane Sauvaire
    La vie moderne (profiles paysans) (França), de Raymond Depardon
    Los Bastardos (México), de Amat Escalante
    Milh handha al-bahr (Salt of This Sea) (Palestina), de Annemarie Jacir
    O' Horten (Noruega/ Alemanha), de Bent Hamer
    Soi Cowboy (Reino Unido), de Thomas Clay
    Tin Che (Parking) (Taiwan), de Chung Mong-Hong
    Tokyo! (França/ Japão), de Bong Joon-ho, Michel Gondry, Leos Carax
    Tokyo Sonata (Japão), de Kiyoshi Kurosawa
    Tulpan (Alemanha), de Sergey Dvortsevoy
    Tyson (EUA), de James Toback
    Versailles (França), de Pierre Schoeller
    Wendy and Lucy (EUA), de Kelly Reichardt
    Wolke 9 (Cloud Nine) (Alemanha), de Andreas Dresen
    Yi ban haishui, yi ban huoyan (China), de Fendou Liu

    Cinefondation
    Ba Yue Shi Wu (EUA), de Jiang Xuan
    Blind Spot (França), de Johanna Bessiere, Cecile Dubois Herry, Simon Rouby, Nicolas Chauvelot, Olivier Clert e Yvon Jardel
    Et dans mon coeur, j'emporterai... (Bélgica), de Yoon Sung-A
    Forbach (França), de Claire Burger
    Gata (Rússia), de Diana Mkrtchyan
    Gestern in Eden (Alemanha), de Jan Speckenbach
    Himnon (Anthem) (Israel), de Elad Keidan
    Illusion Dwellers (Reino Unido), de Rob Ellender
    Interior. Scara de bloc (Romênia), de Ciprian Alexandrescu
    Kestomerkitsijat (Finlândia), de Juho Kuosmanen
    The Maid (EUA), de Heidi Saman
    Naus) (Cazaquistão), de Lukas Glaser
    O Som E O Resto (Brasil), de Andre Lavaquial
    El Reloj (Argentina), de Marco Berger
    Shtika (Silence) (Israel), de Hadar Morag
    Stop (Coréia do Sul), de Park Jae-ok
    This Is a Story About Ted and Alice (EUA), de Teressa Tunney

    Curtas em Competição
    411-Z (Hungria), de Daniel Erdelyi
    Buen Viaje (Bon Voyage), de Javier Palleiro, Guillermo Rocamora
    De Moins en Moins (França), de Melanie Laurent
    El Deseo (The Desire) (México), de Marie Benito
    Jerrycan (Austrália), de Julius Avery
    Love You More (Reino Unido), de Sam Taylor Wood
    Megatron (Romênia), de Marian Crisan
    My Rabbit Hoppy (Austrália), de Anthony Lucas
    Smafuglar (Islândia), de Runar Runarsson