cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Cannes premia curta brasileiro

    Por Da Redação
    25/05/2002

    O curta-metragem Um Sol Alaranjado, do carioca Eduardo Valente, foi o vencedor do prêmio principal da mostra Cinéfondation, órgão criado pelo Festival de Cannes para ajudar os jovens cineastas, em 1998.

    O curta universitário em preto-e-branco retrata as relações humanas, acompanhando durante quatro dias a vida de um pai e de uma filha. Além do prêmio em dinheiro (15 mil euros) e de uma Palma de Ouro simbólica, a instituição garantiu ao diretor que, se ele fizer um longa-metragem, terá o lançamento mundial realizado no Festival de Cannes.

    O filme de Valente poderá ser visto pelos brasileiros nos dias 4 e 5 de junho, dentro do 7° Festival Brasileiro de Cinema Universitário, no Centro Cultural Banco do Brasil (RJ) e na Universidade Federal Fluminense (UFF).

    Um Sol Alaranjado concorreu com outros 15 filmes de escolas de vários países. O segundo prêmio foi dividido entre o francês Só Mamãe Tem os Olhos Azuis, de Eric Forestier, e o sueco Nas Boas e Nas Más, de Jens Jonsson. O terceiro lugar ficou para Perguntas de um Operário Morto, de Aya Somech (Israel).