cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    CCXP18: Brie Larson e Sebastian Stan dominam painel da Marvel

    Homenagem para Stan Lee também foi exibida e emocionou o público
    Por Thamires Viana
    08/12/2018

    O painel mais esperado de toda a CCXP 2018 foi um show de emoções! O Marvel Studios agitou o evento com novidades sobre Capitã Marvel, homenagem para Stan Lee e presença dos atores Brie Larson e Sebastian Stan

    O primeiro a subir ao palco foi Stan, que expressou sua surpresa com a recepção do público. "Eu amo o Brasil", disse logo ao entrar. O Soldado Invernal do MCU ficou por pouco tempo no evento, mas falou sobre a emoção de viver o personagem nos filmes do estúdio. "Eu faço isso por dez anos e para mim é como andar de bicicleta. Eu geralmente nem leio o roteiro porque confio no trabalho. Não me vejo fazendo outro personagem", disse.

    Quando o assunto foi Vingadores: Guerra Infinita, o ator lamentou não ter participado mais do filme, mas relembrou a emoção de ter comandado uma das melhores cenas, aquela em que diz a Rocket Raccoon "Não está à venda", repetindo a icônica frase no palco. "Ainda bem que eu fiz aquela cena", comemorou. 

    Homenagem para Stan Lee

    Claro que o quadrinista responsável por grande parte dos personagens seria lembrado com emoção no painel do estúdio. Um vídeo reunindo os clássicos cameos de Lee, além de fotos de sua vida, foi exibido no telão e levou o público às lágrimas. O final do vídeo mostrou uma cena do quadrinista ao lado de Tobey Maguire dizendo "Acredito que uma pessoa pode mudar o mundo". 

    Capitã Marvel

    O auditório Cinemark tremeu com a chegada de Larson e todas as novidades sobre Capitã Marvel. Com simpatia e muito bom humor, a atriz revelou alguns detalhes sobre a produção, mas evitou, claro, dar qualquer spoiler sobre o filme.

    Ela contou ao público que guardou o segredo por um ano e não acreditava que iria viver a heroína sem poder contar para ninguém. "Eu pensava que aquilo não era possível! Eu estava em um filme desse porte e ninguém podia saber. Então, eu comecei a fingir que aquilo não estava acontecendo para conseguir guardar o segredo".  

    Sobre a emoção ao vestir o traje pela primeira vez, Larson arrancou gargalhadas ao contar que o modelo pouco prático foi de fato uma surpresa. "Bom, eu coloquei com a ajuda de duas pessoas e foi quando pensei 'Caramba, eu vou mesmo entrar para a Disneylândia', mas em menos de um minuto me dei conta de que seria muito difícil fazer xixi", contou.

    + CONFIRA A DESCRIÇÃO DE CENA INÉDITA DO FILME

    Segundo Larson, o filme vai mostrar a origem da heroína de forma diversificada. "Ela é a mais forte do universo e vamos trazer como ela lida com seus poderes. Tem lutas incríveis, une a Terra e espaço, tem uma nostalgia dos anos 90 e um lado emocional muito forte. Vai ser incrível mostrar o início da amizade dela com Nick Fury (Samuel L. Jackson) e dinâmica dessa relação. Além disso, saberemos quem é esse agente do passado, quando ainda não usava o tapa olhos", disse.

    Já a relação com o comandante vivido por Jude Law também foi comentada pela atriz. "Ele tem um papel muito poderoso no filme e a relação dele com Carol é intensa. Ele a treina e se torna um mentor para ela, por isso há uma relação de muito amor entre os dois", afirmou.

    No final do painel, o assunto girou em torno da importância de vermos a primeira mulher a protagonizar um filme da Marvel. "Eu me senti forte, muito forte. Fiquei apavorada quando recebi o convite e entendi a representatividade nisso tudo. Quero que elas se sintam fortes ao sair do cinema como eu me senti. Eu fiz isso por vocês, mulheres!", finalizou ela.

    Capitã Marvel chega aos cinemas no dia 07 de março de 2019.