cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Conheça A Voz Suprema do Blues, o último filme de Chadwick Boseman

    O longa, que chegou hoje à Netflix, também conta com Viola Davis
    Por Alexandre Dias
    18/12/2020

    A Voz Suprema Do Blues, filme que chegou hoje (18) à Netflix, promete fortes emoções por diversos motivos. Um deles é por ser o último longa gravado por Chadwick Boseman, o intérprete do Pantera Negra que morreu em agosto desse ano. 

    O projeto em si também gera muita expectativa. O primeiro trailer revelado mostra que é mais do que a cinebiografia da cantora Ma Rainey. É também um debate sobre o racismo e um mergulho na história da música. 

    Saiba mais sobre A Voz Suprema Do Blues:

    Ma Rainey

    O longa é uma adaptação da premiada peça homônima de 1982, de August Wilson, e se passa na cidade de Chicago (EUA), em 1927. A história é focada em "Ma" Rainey (Viola Davis), uma pioneira cantora de blues afro-americana. Na trama, ela confronta seu empresário e produtor sobre os direitos de sua música.

    Em paralelo a essa situação, o trompetista ambicioso Levee (Boseman) entra em um conflito intenso com a cantora. O músico quer colocar a sua identidade nas canções, mas está sujeito a obedecer as vontades de Ma. 

    Viola Davis e Chadwick Boseman

    A dinâmica da incrível dupla protagonista deve ser um dos pontos altos do filme. Davis comentou sobre a sua inspiração para interpretar Ma (via Hollywood Reporter):

    "Um fator de motivação gigantesco para mim é me sentir desvalorizada. Isso me faz sentir um pit bull ou horrível. Ma... está pronta para a luta. Eu amei essa luta nela, sua natureza sem remorso, mesmo com sua sexualidade."

    A cantora, que faleceu em 1939, foi considerada a primeira artista profissional feminina do gênero musical. Como Davis diz, a sua sexualidade é outro ponto importante da trama; Ma era apaixonada por Dussie Mae, interpretada por Taylour Paige no filme.

    A atriz também comentou como foi trabalhar com Boseman: "Chadwick era um artista. Para alguém tão jovem, foi incrível assistir esse nível de não confundir a sua presença com o evento."

    Direção e produção

    A Voz Suprema Do Blues é dirigido por George C. Wolfe, cineasta responsável por Um Momento Pode Mudar Tudo. Ele trabalhou com o roteiro de Ruben Santiago-Hudson, conhecido pelos trabalhos de ator em Selma e a série Billions.

    Um dos produtores do filme é o ator veterano Denzel Washington, que contracenou com Davis em Um Limite Entre Nós

    Estreia

    A Voz Suprema Do Blues já está disponível no catálogo da Netflix.

    Veja o trailer: