Conheça as inspirações de Tolkien para Hobbit e Senhor dos Anéis

Cinebiografia de J.R.R. Tolkien está no streaming

14/05/2020 18h00 (Atualizado em 14/09/2020 17h15)

Por Daniel Reininger

A cinebiografia de J.R.R. Tolkien dirigida pelo finlandês Dome Karukoski está no streaming e mostra o começo da trajetória do famoso autor de O Senhor Dos Anéis e como ele construiu um mundo impressionante, baseado em suas experiências e conhecimentos acadêmicos.

O filme traz uma história leve e muitas vezes fantástica sobre amor e amizade, elevando Tolkien a um herói, como os das suas obras, ao focar nos anos de faculdade e na Primeira Guerra Mundial.

É uma história sobre amizade com foco no seu grupo formado por Christopher Wiseman (Tom Glynn-Carney), G.B. Smith (Anthony Boyle) e R.Q. Gilson (Patrick Gibson), a inspiração para a Sociedade do Anel do livro. Os jovens pretendem mudar o mundo através da arte. Juntos, passam muitas noites tomando chá e debatendo questões diversas e sempre apoiando uns aos outros.

Realidade inspirou Tolkien

Fica claro que as histórias reais do autor inspiraram a guerra com Mordor, a relação entre Aragorn e Arwen, a Sociedade do Anel e o Condado. Esse último, parecido com o local bucólico onde morou pela última vez com sua mãe, antes de ir para Birmingham, uma cidade suja e barulhenta no coração da Inglaterra.

As lembranças de Tolkien de sua infância em Sarehole, perto de Birmingham, forneceram a base para a verdejante terra natal de Bilbo e dos Hobbits: Um local rural onde os pequenos seres vivem protegidos das tensões da Terra Média.

Outras locações dos livros também foram baseados na realidade: Rohan e Gondor foram inspirados pelas Colinas De Malvern e o antigo reino de Mércia (um dos reinos que formaram a Inglaterra); Valfenda foi baseada numa visita de Tolkien aos Alpes suíços em 1911. As Duas Torres inspiradas por dois marcos da região onde ele morou: O Folly da Perrott, uma torre de 29 metros de altura construída em 1758, e a torre de água de Edgbaston.

Enquanto isso, a climática Batalha dos Cinco Exércitos de O Hobbit deriva diretamente das experiências de Tolkien durante a Primeira Guerra Mundial, na qual lutou. Inicialmente relutante em servir ao Exército britânico, por ser "um jovem com muita imaginação e pouca coragem física", como ele mesmo se descreveu, Tolkien se tornou Tenente e participou de muitas batalhas, antes de sucumbir à febre da trincheira. Sua doença o salvou do destino cruel de tantos outros jovens no conflito.

Tolkien

Embora ele tenha negado em diversas ocasiões, a sua experiência brutal em algumas das batalhas mais sangrentas da guerra certamente inspiraram muitos elementos de suas obras. Principalmente a importância do senso de camaradagem visto por seus heróis nos livros, os quais sempre estão preparados para sacrificar suas vidas por uma causa justa ou para salvar os companheiros.

Outras inspirações

Além disso, o acadêmico baseou-se em seu amplo conhecimento do folclore pagão europeu e seus mitos. Por exemplo, os nomes de personagens e lugares de O Hobbit são derivados das tradições linguísticas da Islândia e as histórias lembram sagas nórdicas antigas.

O dragão Smaug foi comparado, por exemplo, ao da lenda do antiga de Beowulf (de William Morris), um texto que Tolkien ensinou quando dava aula no Pembroke College. Já os anões seguidores de Thorin Escudo de Carvalho (também de O Hobbit) são constantemente comparados aos vistos nos textos dos Irmãos Grimm, escritores de boa parte dos contos de fadas que conhecemos atualmente.

Tolkien também tomou como base obras de ficção clássicas do século XIX, das histórias como Viagem ao Centro da Terra (1862), de Jules Verne, e A Princesa e o Goblin (1872), de George MacDonald. O professor se divertia ao criar contos fantásticos e línguas para seus povos. Eventualmente, ele possuia um mundo rico e gigantesco, capaz de rivalizar com as mitologias mais complexas da humanidade. 

Ele uniu sua criatividade, conhecimento de outras culturas europeias e experiências pessoais para criar uma das obras mais importantes da literatura mundial, que deu origem a seis filmes incríveis.

E você pode saber um pouco sobre essa jornada no filme Tolkien, que está disponível no Looke, NOW, Vivo Play e Telecine Play.

Onde assistir: Looke, Vivo Play

Nesse atigo você leu sobre: Tolkien, O Senhor Dos Anéis: A Sociedade Do Anel, O Senhor Dos Anéis: As Duas Torres, O Senhor Dos Anéis: O Retorno Do Rei, O Hobbit: Uma Jornada Inesperada, O Hobbit: A Desolação De Smaug, O Hobbit: A Batalha Dos Cinco Exércitos

 

Veja também: Top 6: Os filmes de O Senhor dos Anéis e O Hobbit ranqueados


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus