Convenção das Bruxas: o que esperar do remake do clássico dos anos 80

Longa estrelado por Anne Hathaway chega aos cinemas em 19 de novembro

22/10/2020 14h25 (Atualizado em 26/10/2020 23h43)

Por Thamires Viana

Remakes de filmes clássicos estão voltando com tudo nos últimos anos e são uma forma de apresentar histórias emblemáticas para um novo público ou até mesmo dar um novo olhar para elas.

Um deles é Convenção Das Bruxas, filme que chega 30 anos após o lançamento daquele que marcou uma geração de crianças e adultos com uma trama para lá de sombria estrelada por Anjélica Houston em 1990.

Estrelado por Anne Hathaway como a Grande Bruxa, a nova versão seguirá os moldes de seu antecessor ao acompanhar um menino que precisará enfrentar a fúria de uma bruxa depois que ele vai passar um tempo na casa de sua avó. No entanto, uma certa modernidade promete fazer parte dessa história.

Quer saber o que podemos esperar desse remake? A gente te conta:

Inspiração de sucesso 

Antes de mais nada, é importante saber que Convenção Das Bruxas é inspirado no livro de Roald Dahl, escritor britânico e mente brilhante por trás de histórias que inspiraram Matilda, A Fantástica Fábrica De Chocolate e James E O Pêssego Gigante, que foram adaptados para o cinema e se tornaram sucessos de público e crítica.

Dahl foi um dos grandes nomes da literatura infantil e em suas histórias a aventura e a fantasia são temas comuns, levando crianças do mundo todo a se encantarem com personagens memoráveis e temas que escondem um certo tom sombrio. 

Nessa nova versão, que tem roteiro assinado por Robert Zemeckis, Kenya Barris e Guillermo Del Toro, já sabemos que imaginação e excentricidade serão peças chaves da trama. 

Modernidade

Lançado 30 anos após o clássico de 1990, o remake promete trazer muita modernidade para a reimaginação do conto. Além de estética e fotografia impecáveis, algo já mostrado no trailer oficial, Convenção Das Bruxas pretende trazer um novo senso de humor para apresentar essa história atemporal para a nova geração. 

O filme também vai trazer representatividade ao centrar a trama em uma família negra, com atuações do ator mirim Jahzir Bruno e de Octavia Spencer, que vivem neto e avó na missão de destruir os planos da Grande Bruxa. Mesmo que esse não seja o grande foco do filme, é uma forma que vem sendo usada pelos grandes estúdios em clássicos remakes. 

É o caso de A Pequena Sereia, que trará a princesa Ariel vivida por Halle Bailey, e Sininho, que será uma personagem negra interpretada por Yara Shahidi em um novo filme.

Vencedores do Oscar

Convenção Das Bruxas trará dentro e fora das telas nomes fortíssimos em Hollywood, quase todos ganhadores do Oscar, o que já nos empolga em termos de qualidade e boas atuações!

Na direção está Robert Zemeckis, diretor da clássica franquia De Volta Para O Futuro, e vencedor do Oscar por Forrest Gump - O Contador De Histórias

Já a produção do filme é assinada por Alfonso Cuarón e Guillermo Del Toro, dois dos maiores cineastas da atualidade. Enquanto Cuarón venceu quatro Oscars por Roma e Gravidade, Del Toro levou a melhor em Melhor Direção e Melhor Filme para A Forma Da Água

No elenco, a estrela Anne Hathaway venceu a categoria de Melhor Atriz Coadjuvante pelo drama Os Miseráveis, e Octavia Spencer, que co-estrela o longa, garantiu o prêmio na mesma categoria por Histórias Cruzadas

Trama

Sem grandes alterações na essência do enredo, a história vai acompanhar um garotinho que se depara com um clã secreto de bruxas e, com a ajuda de sua avó amorosa, embarca em uma grande aventura para impedir os planos malignos dessas criaturas de transformar as crianças do mundo em ratos.

Convenção Das Bruxas ainda traz no elenco nomes como Stanley Tucci, Kristin Chenoweth e Chris Rock. No Brasil, o filme será distribuido pelo Warner Bros. e tem previsão de estreia para o dia 19 de novembro nos cinemas.


Confira o trailer oficial:

Veja também:

Os remakes de terror que mais queremos ver nos cinemas

Os anos 80 estão de volta! Confira remakes, reboots e homenagens

Ranking: Dez filmes dirigidos por Guillermo Del Toro

Opinião: Trazer uma Ariel negra é acerto imenso da Disney


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus