cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Sombra e Ossos, da Netflix, diverte com mundo sombrio e muita magia

    Série é baseada em franquia literária de sucesso
    Por Daniel Reininger
    21/04/2021 - Atualizado há 7 dias

    Magia, disputas políticas e aventura são as armas de Sombras & Ossos, novo original da Netflix que promete se tornar a nova febre mundial. Baseada no best-seller homônimo que já vendeu mais de 2,5 milhões de cópias ao redor do mundo, a produção apresenta um mundo fantástico com produção caprichada, capaz de rivalizar com as séries queridinhas do público.

    Apesar de pecar pelo clichê da clássica história da garota comum que é única capaz de salvar o mundo, a riqueza de detalhes e o clima sombrio ajudam a narrativa a se destacar. Não é a toa que a franquia de livros se tornou um sucesso com a trilogia Grisha e o mais recente Six of crows: Sangue e mentiras.

    A história de Sombras & Ossos se passa em um país dividido por uma enorme faixa de terra onde a escuridão reina e monstros habitam: a Dobra das Sombras, criado por um dos muitos magos desse universo, conhecidos como Grishas. 

    Nesse cenário, Alina Starkov aparenta ser uma órfã comum, mas sua vida muda quando, em uma expedição à Dobra das Sombras, ela manifesta o poder da luz, algo considerado um mito, para salvar um amigo. Esse poder é o único capaz de acabar com a Dobra, então todos os olhos se voltam à garota.

    A narrativa se desenrola num universo muito rico, com povos e culturas marcantes, com bastante diversidade e curiosas visões das sociedades de nosso próprio mundo. Fatos históricos como a Segunda Guerra Mundial também serviram de inspiração para o romance, o que traz uma complexidade política intrigante para uma obra infanto-juvenil.

    A protagonista vivida por Jessie Mei Li convence como Alina e a jovem atriz entrega uma boa atuação. O mesmo vale para Ben Barnes como General Kirigan e Archie Renaux como Mal, melhor amigo da heroína. Com personagens carismáticos e conspirações espreitando a cada esquina, fica fácil se entreter com a série.

    Além disso, os Efeitos especiais são bem feitos, assim como as cenas de luta. O mundo sombrio e decadente, em guerra, também é uma boa ambientação, capaz de deixar as coisas com impressão de serem mais adultas, mesmo quando tratam de questões bem adolescentes, como tantas obras infanto-juvenis fazem.

    O grande trunfo, mesmo, é o uso indiscriminado da magia. Enquanto outras produções abordam o tema com timidez, Sombras & Ossos não cansa de colocar magos em ação exibindo seus poderes sem o menor pudor, criando cenas que parecem terem saído de um jogo de Dungeons & Dragons ou dos videogames.

    Dito isso, não espere nada realmente novo. É um mundo interessante, com personagens carismáticos e bastante magia, mas é, fundamentalmente, uma trama que já vimos inúmeras vezes em livros, filmes e séries de TV. Não que isso atrapalhe a diversão, mas é importante avisar para aqueles que esperam algo realmente inovador. 

    Ou seja, essa é uma série muito bem feita, que prova que uma história padrão com uma ambientação realmente interessante e elementos diferentes pode ser muito importante para o sucesso de uma franquia. 

    A divertida série de fantasia sombria estreia na Netflix em 23 de abril.

    Veja mais