cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Cruise e Spielberg lideram bilheteria nos EUA

    Por Da Redação
    24/06/2002

    Foi acirrada a disputa entre as duas principais estréias do fim de semana nos Estados Unidos e Canadá. Minority Report - A Nova Lei (foto), thriller de ficção científica estrelado por Tom Cruise e dirigido por Steven Spielberg, arrecadou US$ 36,9 milhões. A outra estréia, Lilo & Stitch, novo desenho animado da Disney que conta as aventuras de uma menina havaiana órfã e seu E.T. de estimação, ficou com a segunda posição, faturando US$ 35,8 milhões.

    O presidente da distribuidora da Disney, Chuck Viane, acredita que a produção alcançou o primeiro lugar nas bilheterias e aguardava apenas a correção dos dados. Por sua vez, o responsável pela distribuição dos estúdios da Fox, Bruce Snyder, declarou que também estaria aborrecido se tivesse ficado com o segundo lugar no ranking por uma diferença tão pequena.

    A disputa pelo primeiro lugar é importante para ambas as produções: Minority Report - A Nova Lei, que marca a primeira parceria entre Cruise e Spielberg, é a tentativa de ambos recuperarem o prestígio em Hollywood. Suas últimas produções, Vanilla Sky, de Cruise, e A.I. - Inteligência Artificial, de Spielberg, não obtiveram boa aceitação junto ao público e à crítica. Lilo & Stitch é a nova investida da Disney em desenhos animados feitos pelos métodos tradicionais, após fracassos de bilheteria como A Nova Onda do Imperador e Tarzan.

    Em terceiro lugar no ranking ficou a adaptação do desenho animado de TV Scooby-Doo, que estreou em primeiro lugar na semana passada, surpreendendo todas as expectativas, e já atingiu a marca de US$ 100,2 milhões em dez dias de exibição. The Bourne Identity, thriller de ação com Matt Damon, caiu para a quarta posição após a semana de estréia. Finalmente, o longa-metragem de espionagem A Soma de Todos os Medos manteve-se entre os cinco filmes mais assistidos, arrecadando US$ 97,4 milhões após três semanas em cartaz.