cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Cruella foi inspirada em uma atriz dos anos 30 de Hollywood

    Do livro, aos filmes conheça mais da vilã de 101 Dálmatas
    Por Daniel Reininger
    19/05/2021 - Atualizado há 27 dias

    Conhecida como uma das vilãs mais terríveis dos contos de fada, Cruella é um personagem do livro 101 Dálmatas, escrito por Dodie Smith em 1956.

     Ela apareceu em diversas adaptações do livro, como o longa animado de 1961 da Disney e o Live-action de 96. Agora, ela ganha um filme só pra ela, que mostra como uma garota sagas e ambiciosa se tornou uma vilã tão cruel. 

    Saiba um pouco mais sobre Cruella e também conheça algumas curiosidades;

    Saiba mais da Disney

    Origem e novo filme

    Cruella é o novo longa com a presença da vilã e a coloca no centro da ação. 

    No filme ambientado na década de 1970 em Londres, Emma Stone vive o papel-título que conta como a jovem sonhadora Estella se transformou na maldosa Cruella de Vil.  

    Conheceremos como Estella era uma jovem audaciosa e vigarista com muitos talento para a moda. Quando cria uma amizade com uma dupla de jovens ladrões, acaba conquistando a atenção da Baronesa Von Hellman (Emma Thompson), uma das maiores lendas do mundo fashion. No entanto, essa relação desperta na jovem Estella um comportamento cruel e insensível, fazendo com que ela assuma a identidade de Cruella se volte a um pensamento vingativo.  

    A direção é assinada por Craig Gillespie e o roteiro está nas mãos de Tony McNamara. A atriz Glenn Close, que interpretou a Cruella original em 101 Dálmatas, é uma das produtoras executivas ao lado de Emma Stone e Michelle Wright. O elenco ainda traz os atores Mark Strong, Paul Walter Hauser, Emily Beecham e Jamie Demetriou.

    Continua após o anúncio

    Curiosidades

    • Ela foi desenhada com feições cadavéricas para reforçar seu jeito louco e obsessivo.
       
    • Em 2002, se tornou a única personagem feminina a entrar na lista dos 15 personagens mais ricos da Forbes. A sua fortuna seria estimada em 875 milhões de dólares.
       
    • Na série Once Upon a Time, a personagem consegue o casaco de pele de dálmata, que a Cruella de Vil dos filmes Disney jamais teve.
    • Seu cabelo, metade preto metade branco e seu enorme casaco de vison vieram já dos livros.
       
    • O animador da Disney Marc Davis queria uma vilã diferente e buscou apresentar para os fãs uma antagonista visualmente distante de Malévola e com ar mais moderno. Davis se inspirou em uma mulher comum que ele havia visto em uma festa.  
       
    • Em 1985, o animador admitiu que usou características da famosa atriz Tallulah Bankhead, estrela de Hollywood no anos 30 e 40, para criar DeVil.
       
    • Glenn Close sentiu que o escritor e produtor John Hughes escreveu Cruella DeVil como uma vilã muito mole em 101 Dálmatas. Na esperança de interpretar uma antagonista "mal-intencionada e engraçada", ela buscou inspiração na animação de 1961 em busca de inspiração e explorou várias linhas de diálogo consideradas politicamente incorretas em 1996, como as sugestões de Cruella de espancar e afogar os cães. Close sentiu que tornar o personagem mais extrema a tornava mais "bem definida".
       
    • Glenn Close inicialmente rejeitou o papel de Cruella devido a conflitos de agenda com o musical "Sunset Blvd".
       
    • Emma Stone não foi a primeira escolha para o papel no novo filme.

    Estreia

    Cruella será lançado simultaneamente nos cinemas e no Disney+ no dia 28 de maio. Veja o trailer:

    Veja mais