cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Curta brasileiro em Cannes

    Por Da Redação
    28/04/2002

    O cinema brasileiro pode não estar entre os filmes que concorrem a um prêmio no Festival de Cannes, mas o curta-metragem Um Sol Alaranjado, de Eduardo Valente, foi um dos vinte selecionados, de 750 inscritos, para ser exibido na programação da Cinefondation, uma mostra paralela à de Cannes.

    Um Sol Alaranjado é uma produção em preto e branco com 17 minutos. Conta a história da relação entre um pai e sua filha, que dividem uma casa onde sua rotina não parece mudar. Valente filma ainda este ano seu segundo curta Castanho vencedor do concurso de roteiros da Riofilme.

    Um Sol Alaranjado é a estréia de Eduardo Valente como diretor, que ganhou o prêmio de Melhor Diretor no 34º Festival de Brasília e o de Melhor Filme 16mm do Curta-Se (Festival de Aracaju). Um Sol Alaranjado ainda selecionado para a programação do 12º Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo, do 8º Vitória Cine Vídeo, da 11ª Mostra Curta Cinema-RJ, do 6º Festival de Recife e do 6º Festival de Curitiba. O filme começou sua carreira internacional sendo selecionado para a competição do 2002 Taipei Film Festival/ Golden Lion International Student Film Program, entre mais de 250 inscritos.

    A Cinefondation, criada em 1998 como forma de incentivar os jovens talentos do cinema mundial, é uma mostra exclusivamente voltada para a exibição de trabalhos universitários do mundo todo. Neste ano, terá como presidente do júri ninguém menos que Martin Scorsese.