cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    De Todo Mundo Odeia o Chris a Jogos Mortais: a ascensão de Chris Rock

    O ator e cineasta americano completa 56 anos neste domingo (07) e vem reinventando sua carreira
    Por Thamires Viana
    07/02/2021 - Atualizado há 3 meses

    Neste domingo, dia 07 de fevereiro, o comediante e cineasta Chris Rock completa 56 anos muito bem vividos e com histórias fantásticas para contar. Nascido na Carolina do Sul, Estados Unidos, o americano marcou seu nome na TV e no cinema como um dos artistas mais talentosos e divertidos de Hollywood.

    Desde o início de sua carreira, Rock criou um sitcom de sucesso, estrelou diversas comédias marcantes e, atualmente, decidiu dar uma reviravolta nos trabalhos assinando a história, o protagonismo e a produção executiva de um "reboot" de Jogos Mortais que chega aos cinemas ainda este ano.

    Para celebrar seu aniversário, relembre a carreira e ascensão de Chris Rock:

    A carreira de Chris Rock

    Um Pobretão na Casa BrancaReprodução

    Christopher Julius Rock III, o nosso querido Chris Rock, iniciou sua carreira de ator no final dos anos 80 com uma participação na comédia Um Tira da Pesada II, uma das mais marcantes da carreira de Eddie Murphy. Com um brilhante talento para o humor, o americano foi ganhando cada vez mais espaço nas produções hollywoodianas não somente como ator, mas também como roteirista e produtor de algumas delas. 

    Ele integrou o elenco do famoso programa Saturday Night Live, nos anos 90, além de ter estrelado seu próprio talk show intitulado The Chris Rock Show, entre os anos de 1997 e 2000.

    Um ano depois, em 2001, trouxe às telonas o remake O Céu Pode Esperar, filme que estrelou, escreveu e produziu. Com direção de Chris Weitz e Paul Weitz, a comédia estourou e arrecadou bons números na bilheteria daquele ano, levando Chris Rock a se tornar ainda mais requisitado em produções do gênero. 

    Em 2003, Chris viria a estrear na direção com Um Pobretão na Casa Branca, juntando-se a Ali LeRoi para escrever o roteiro da comédia. Atuando como um político que precisa assumir o comando da Casa Branca, o ator arrancou boas risadas do público com o tom de sátira que trouxe ao longa. 

    Entre besteiróis e comédias irreverentes, Chris ainda esteve no elenco de Golpe Baixo, Zohan: O Agente Bom de Corte, Gente Grande, O Que Esperar Quando Você Está Esperando e La Vêm os Pais, a maioria ao lado do também ator Adam Sandler.

    Todo Mundo Odeia o Chris

    Todo Mundo Odeia o ChrisReprodução
    Continua após o anúncio

    Em 2005, Chris Rock viria a se reunir novamente a Ali LeRoi para escrever um dos maiores sucessos de sua carreira: Todo Mundo Odeia o Chris. O sitcom americano estrelado por nomes como Tyler James Williams, Terry Crews e Tichina Arnold conta todas as aventuras da infância e adolescência do ator, após se mudar com a família para o Brooklyn, bairro de Nova York.

    Todo Mundo Odeia o Chris veio como uma resposta ao bullying e até mesmo às agressões físicas que o ele sofreu de alunos brancos, quando passou a frequentar o colégio, algo retratado com muito humor na série. Narrada pelo próprio Chris Rock, a séria ainda conta com histórias de suas primeiras paixões, a relação com os irmãos, as divertidas broncas de seus pais e também as amizades que fez no bairro. 

    O sucesso dos primeiros episódios foi tanto que a série foi estendida para mais três temporada, encerrando as atividades em 2009. Aqui no Brasil, a atração foi exibida pela TV Record e conquistou o público, gerando até mesmo diversas interações com os atores, além de bordões memoráveis derivados da dublagem brasileira. 

    Atualmente, Todo Mundo Odeia o Chris pode ser vista nos catálogos do Amazon Prime Video e da Globoplay.

    Espiral - O Legado De Jogos Mortais

    Espiral: O Legado de Jogos MortaisReprodução

    No final de 2019, ele surpreendeu o público ao anunciar que estava envolvido na produção de Espiral - O Legado De Jogos Mortais, filme que servirá como um reboot da famosa franquia de terror criada por James Wan e Leigh Whannell em 2004. Quase nunca envolvido em produções dramáticas ou assustadoras, o astro decidiu que era hora de inovar na carreira. 

    Além da produção executiva, Chris vai estrelar o longa e também foi o responsável por idealizar sua própria versão da história, da qual revelou ser fã. O roteiro está nas mãos de Pete Goldfinger e Josh Stolberg, dupla responsável por Jogos Mortais - Jigsaw, enquanto a direção fica a cargo de Darren Lynn Bousman, que comandou Jogos Mortais 2, 3 e 4.

    Embora não siga exatamente a premissa do primeiro filme, Espiral - O Legado De Jogos Mortais vai trazer elementos da história e, assim como o nome já diz, revisitar o legado de uma das sagas de terror mais bem-sucedidas do cinema. O filme vem sendo anunciado como um refresco à franquia, após o lançamento de nove filmes sob a perspectiva do vilão Jigsaw (Tobin Bell). 

    A trama deverá ainda focar mais no terror psicológico, trazendo a história à partir das investigações e descobertas da polícia. Chris viverá um impetuoso policial chamado Zeke, que vive à sombra de um detetive renomado. Em meio aos mistérios que circulam os crimes, ele irá se envolver cada vez mais em um perigoso jogo comandado por um assassino.

    O elenco conta com nomes de peso como Samuel L. Jackson, Max Minghella e Morgan David Jones. A estreia de Espiral - O Legado De Jogos Mortais está marcada para 19 de maio.