cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Descubra o que 2008 guarda para os amantes do cinema

    Por Da Redação
    07/01/2008

    O mundo cinematográfico no início de 2008 é marcado pela greve dos roteiristas de Hollywood, que, além de atrasar a produção de muitos longas-metragens e séries de TV, ainda ameaça as principais premiações do cinema norte-americano, como o Globo de Ouro e o Oscar. Mesmo assim, nos próximos 12 meses, os cinemas brasileiros serão inundados por estréias que possivelmente agradarão aos mais diferentes gostos cinematográficos, satisfazendo aos que gostam de blockbusters, produções independentes, épicos, dramas, comédias e animações.

    Monstrengos - No próximo ano, muitos vilões fictícios prometem atacar nas telonas. Logo na primeira quinzena, temos Alien vs. Predador 2 (11/1), aventura que traz novamente o embate entre dois monstrengos clássicos do cinema norte-americano: o extraterrestre de Alien, O Oitavo Passageiro (1979) e o vilão de O Predador (1986); a primeira vez que os monstros dividiram as atenções num longa foi em Alien Vs. Predador (2004). Na semana seguinte, Will Smith invade a tela também combatendo vilões fictícios em Eu Sou a Lenda (18/1) que, de quebra, ainda traz a brasileira Alice Braga (A Via Láctea) em papel de destaque.

    Cloverfield - O Monstro (8/2), produzido por J.J. Abrams (criador de Lost), promete assustar os espectadores com um misterioso monstro que ataca Nova York. Para quem viu o trailer, a idéia é que uma das criaturas misteriosas que ataca os protagonistas na ilha do seriado criado por Abrams atacará também nos cinemas, mas vale a pena esperar um bom filme de ação, no mínimo. Repleto de efeitos especiais, 10.000 a.C. (7/3), de Roland Emmerich (O Dia Depois de Amanhã), promete levar às salas de cinema uma aventura fantasiosa que se passa na Idade das Pedras, quando o herói deve combater uma série de perigosos inimigos a fim de resgatar seu amor e libertar seu povo da tirania de outros povos.

    Depois de Sinais, o diretor M. Night Shyamalan (que tenta emplacar um fenômeno desde O Sexto Sentido, sem muito sucesso até agora) volta a focar o mistério em torno da figura dos alienígenas em The Happening (13/6), recebendo a ajuda dos atores Mark Wahlberg (O Atirador) e Zooey Deschanel (O Guia do Mochileiro das Galáxias).

    Épicos Para os Jovens - Desde O Senhor dos Anéis e os bilhões de dólares que a trilogia faturou nos cinemas, tornou-se uma tendência cada vez mais constante a adaptação de livros épicos para as telonas, tendência também auxiliada pelo desenvolvimento crescente das tecnologias digitais aplicadas ao cinema. Os épicos prometem marcar as telas também em 2008 já no primeiro mês, quando finalmente estréia Os Seis Signos da Luz (18/1), mais voltado ao público juvenil, assim como As Crônicas de Spiderwick (21/3) - aventura baseada na série de livros homônima de Tony DiTerlizzi e Holly Black - e As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian (30/5), continuação de As Crônicas de Nárnia: O Leão, A Feiticeira e o Guarda-Roupa, de 2005.

    Mas, em se tratando desse tipo de produção Harry Potter e o Enigma do Príncipe (21/11) é, definitivamente, o mais cultuado pelo público ao qual se destina e proporcionalmente o mais aguardado. Já High School Musical 3 (10/10) pode não ser um épico, muito menos adaptação de um livro, mas com certeza também é esperado ansiosamente pelos espectadores infanto-juvenis. E, pela primeira vez, a terceira continuação do musical estudantil produzido pela Disney chega aos cinemas, depois de ter sido lançada diretamente na TV no caso das duas partes anteriores.

    A Volta dos que Não Foram; Ou Pareciam Ter Ido - Outra continuação esperada que chega às salas brasileiras em 2008 é A Lenda Do Tesouro Perdido - Livro Dos Segredos (25/1). A série de aventura protagonizada por Nicolas Cage chega à segunda parte após A Lenda Do Tesouro Perdido (2004); o filme faturou US$ 45,5 milhões nos EUA no fim de semana de estréia, em dezembro de 2007. Bond 22 (7/11), segundo filme da série de James Bond com Daniel Craig na pele (e músculos) do agente inglês mais famoso do cinema.

    The Mummy: Tomb of The Dragon Emperor (1º/8) é a terceira parte da franquia que teve início com A Múmia (1999), seguido por O Retorno da Múmia (2001). Hellboy 2: The Golden Army (5/9) é o segundo filme baseado nos quadrinhos criados por Mike Mignola. Assim como Hellboy (2004), este novo longa com o herói vindo do inferno - literalmente - é novamente dirigido pelo mexicano Guillermo del Toro.

    Mas o herói vermelho não é o único que sai das HQs pra ocupar o mundo cinematográfico no próximo ano: Homem de Ferro (1º/5) marca a estréia de Robert Downey Jr. no papel do personagem que dá nome ao filme, assim como a de Edward Norton como o monstrão Hulk em The Incredible Hulk (2008), que até conta com cenas filmadas no Rio de Janeiro. Além disso, Christian Bale volta a vestir a capa e os acessórios do Homem-Morcego em Batman - O Cavaleiro das Trevas (18/7), que, se depender dos trailers, deve ser uma das melhores produções cinematográficas do herói.

    Dois personagens cultuados após aventuras cinematográficas dos anos 80 voltam às telonas: o fortão John Rambo, personagem vivido por Sylvester Stallone, protagoniza Rambo 4 (22/2) enquanto o arqueólogo mais famoso do cinema, Indiana Jones (Harrison Ford), promete levar novamente milhões de espectadores às salas em Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal em produção cercada de mistério, dirigida por Steven Spielberg e produzida por George Lucas, os criadores da trilogia inicial.

    Das Telinhas para as Telonas - O ano de 2008 também marca o retorno de David Duchovny ao papel que o consagrou: como o agente do FBI Fox Mulder do seriado Arquivo X - cultuado desde a década de 90 - em Arquivo X 2, continuação do longa de 1998 que, além de trazer Duchovny e Gilliam Anderson (a agente Scully), também tem Amanda Peet (O Ex-Namorado da Minha Mulher) no elenco. Ainda no terreno das séries que viraram filme, também estréia no próximo ano Sex and The City - O Filme (4/7), longa-metragem inspirado no seriado homônimo norte-americano produzido de 1998 a 2004 que traz as adoradas quatro amigas em suas aventuras amorosas e fashionistas em Nova York. Esta é a primeira vez que Sex and the City ganha as telonas, assim como Agente 86: o seriado cômico famoso nos anos 60 vira filme com Steve Carell como o atrapalhado Maxwell Smart, o agente 86, em Get Smart, que conta como Anne Hathaway interpretando sua companheira, a agente 99 (20/6).

    Alvin e os Esquilos (4/1) mistura cenas em live action e personagens criados em computação digital, marcando a estréia cinematográfica dos adoráveis esquilos Chipmunks do desenho animado famoso nos anos 80. No próximo ano, também estréiam Speed Racer (9/5), baseado no famoso anime criado por Tatsuo Yoshida nos anos 60, e Dragonball (22/8), outro live action baseado numa animação japonesa.

    Por falar em animações, depois de Ratatouille, um dos melhores filmes de 2007, a Pixar deixará sua marca em forma de animação em 2008 com Wall-E (27/6), contando a história de um robô que, no futuro, tenta morar no espaço. Inclusive, esta estréia será seguida de outras animações: Kung Fu Panda (4/7) e Madagascar 2 - A Grande Escapada (12/12), ambas produzidas pela DreamWorks.

    Premiados e Consagrados - Outra animação que chega em 2008 nos cinemas brasileiros, mas está mais relacionada aos circuitos mais alternativos, atraindo aos espectadores que estão ligados nas premiações, é o francês Persépolis (15/2). Baseado em série de história em quadrinhos criada por Marjane Satrapi - que também assina a co-direção do longa -, o filme concorre ao Globo de Ouro de Melhor Filme Estrangeiro e tem grandes chances de figurar entre os indicados ao Oscar, divulgados em 22 de janeiro.

    Desejo e Reparação (11/1), produção que recebeu maior número de indicações ao Globo de Ouro (sete), inicia a seqüência de estréias cotadas às grandes premiações de Hollywood, seguida por O Caçador de Pipas (18/1), O Gângster (25/1), a comédia Juno (1º/2), Onde Os Fracos Não Têm Vez (1º/2), o drama francês O Escafandro e a Borboleta (8/2), Elizabeth: A Era de Ouro (15/2), Sangue Negro (15/2) e Na Natureza Selvagem (22/2), dirigido por Sean Penn com trilha sonora de Eddie Vedder e excelente atuação de Emile Hirsh. Baseado em história real, assim como o longa de Penn, Operação Valquíria (3/12) é dirigido por Bryan Singer e traz Tom Cruise como protagonista, interpretando um militar alemão que tentou matar Adolf Hitler, durante a Segunda Guerra Mundial.

    Não Estou Lá (7/3), de Todd Haynes, foi premiado no Festival de Veneza e traz uma cinebiografia diferente sobre o cantor norte-americano Bob Dylan; Perigo e Luxúria (abril), de Ang Lee, foi o vencedor do Leão de Ouro no tradicional evento italiano. Voltando às produções que devem atrair aos amantes do rock-and-roll, Controle, A História De Ian Curtis (maio) estréia nos cinemas brasileiros para contar a vida de Ian Curtis, vocalista da banda pós-punk inglesa Joy Division.

    Jogos do Poder (29/2) marca a volta de Julia Roberts à atuação, no qual divide atenções com outro famoso ator norte-americano, Tom Hanks. Senhores do Crime (8/2) representa a segunda parceria do diretor canadense David Cronenberg com o ator Viggo Mortensen depois de Marcas da Violência (2005). Mesmo não tendo sido bem-recebido nos cinemas norte-americanos, ainda se aguarda ansiosamente a estréia de Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco Da Rua Fleet (8/2), novo filme de Tim Burton, mais uma vez trabalhando com seu ator favorito, Johnny Depp. Além de Cronenberg e Burton, outros cultuados diretores assinam novos trabalhos que chegam aos cinemas brasileiros em 2008: a comédia Be Kind Rewind (março) é o novo de Michel Gondry, À Prova de Morte (abril) é o esperado novo filme de Quentin Tarantino e Cassandra's Dream (1º/5) é mais um filme de Woody Allen - cuja carreira foi construída por comédias ambientadas em Nova York - na Inglaterra.

    Refilmagens de Dar Medo - O sensacional suspense O Orfanato (1º/2) - campeão de indicações no Goya, principal premiação do cinema espanhol - chega aos cinemas já com seus direitos de adaptação comprados por Hollywood. Essa tendência do cinema norte-americano em refilmar produções de terror internacionais bem-sucedidas junto à crítica e público também se reflete nos cinemas brasileiros em 2008. The Eye (14/3), Shutter (28/3) e A Tale of Two Sisters (28/3) são refilmagens americanas de, respectivamente, The Eye - A Herança (2002), Espíritos - A Morte Está ao seu Lado (produção tailandesa de 2004) e Medo (terror coreano lançado em 2003). Halloween (janeiro), que ressuscita o vilão Mike Myers, sob a tutela do diretor Rob Zombie, também deve estrear nos cinemas em 2008.

    Brasileiros nas Telonas - O diretor brasileiro Fernando Meirelles apresenta no próximo ano seu último desafio: transformar o complexo livro Ensaio Sobre a Cegueira, do escritor português ganhador do prêmio Nobel José Saramago, em filme. Blindness (setembro), filmado em locações em São Paulo, conta com um elenco de responsabilidade: Julianne Moore, Mark Ruffalo, Gael García Bernal e Danny Glover atuam no filme do brasileiro, que continua brilhando no mercado internacional em 2008. Ele também produziu o emocionante O Banheiro do Papa (14/3), que carrega esse latinidade tão comum aos brasileiros em sua essência.

    Chega de Saudade (21/3), de Laís Bodanzky, Falsa Loura (11/4), de Carlos Reichenbach, e Cleópatra (abril), de Julio Bressane, estréiam em circuito comercial após terem sido premiados no último Festival de Brasília. Depois de alguns anos em produção, finalmente chega aos cinemas a comédia Polaróides Urbanas, de Miguel Falabella, e Sexo com Amor?, de Wolf Maia. Estas duas produções devem ser os destaques no cinema brasileiro em se tratando de produções do gênero, que sempre atraem grande número de espectadores às salas.