cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Diretor de Duro de Matar critica Capitão América e filmes de ação

    John McTiernan diz que filmes inspirados em quadrinhos são feitos por fascistas
    Por Iara Vasconcelos
    13/07/2016

    Na última década, os filmes de super-herói dominaram Hollywood, com bilheterias milionárias e recordes de público. Entretanto, nem todos aprovam esse sucesso todo e John McTiernan, diretor de Duro De Matar e O Predador, é um deles.

    Durante entrevista ao Premiere, McTiernan críticou os filmes de ação atuais, em especial as franquias da Marvel como Capitão América. Confira a declaração dele:

    "Eu odeio a maioria desses filmes por razões políticas, eu não posso nem vê-los. Fico nervoso desde o começo. Capitão América... o culto da hiper-masculinidade é uma das piores coisas que o mundo já viu nos últimos 50 anos. Centenas de milhares de pessoas morreram por causa dessa ilusão estúpida. Como é possível assistir algo chamado Capitão América?", explicou.

    Sobrou críticas até para os quadrinhos: "São produções corporativas. Tudo o que eles fazem são adaptações dos quadrinhos. Esses filmes são feitos por fascistas. Eles fazem todas as crianças do mundo pensarem que nunca serão importantes o suficiente para ganharem um filme sobre suas vidas. Os heróis das HQ's são para empresas".

    O cineasta concordando ou não, é fato que as adaptações de quadrinhos não devem desaparecer tão cedo. Com a Marvel acertando o tom de seu universo cinematográfico, e a DC com filmes badalados como Esquadrão Suicida e Mulher-maravilha em sua agenda futura de lançamentos, não é de espantar que vejamos filmes do gênero ainda por um longo tempo. Agora, não há como negar a tendência é que essas obras fiquem cada vez mais "enlatadas" apenas como forma de ganhar dinheiro. Esperamos que não.

    Atualmente, McTiernan tenta levantar recursos para produzir uma nova ação, chamada Thin Rain, mas pouco se sabe sobre o enredo. Em 2013, ele foi preso acusado de conceder declarações falsas ao FBI.