cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Django Livre já é a maior bilheteria de Quentin Tarantino nos Estados Unidos

    Em cartaz apenas no circuito EUA-Canadá, o filme já trouxe bons frutos ao diretor.
    Por Felipe Minozzi
    17/01/2013

    Em cartaz há quase um mês nos Estados Unidos (desde 25 de dezembro), o mais recente filme de Quentin Tarantino, Django Livre, já tornou-se a melhor bilheteria doméstica de sua carreira.

    O longa, que teve um orçamento de US$ 100 milhões, já rendeu US$ 127,9 milhões nas 3.012 salas em que está sendo exibido por lá. Aqui no Brasil, o longa estreia na próxima sexta-feira (17), mais conhecido como "amanhã". Muito provavelmente, o longa vai ocupar o topo do ranking nacional do final de semana.

    Pulp Fiction, em 1994, rendeu US$ 107 milhões. Se este valor fosse corrigido para os dias atuais, o montante ficaria em US$ 197 milhões, ficando em primeiro lugar. Mesmo assim, é improvável que Django Livre não atinja este valor, visto que o longa estreia fora do circuito EUA-Canadá apenas nesta semana.

    Cães de Aluguel, um dos mais cultuados filmes do diretor, foi também sua pior bilheteria. Ao custo de US$ 1,2 milhão, a história do roubo de diamantes estreou em apenas 61 salas norte-americanas e rendeu US$ 2,8 milhões.

    A estreia de Tarantino no faroeste já se pagou e, daqui pra frente, o que vier é lucro.