Documentário Flores do Cárcere relembra histórias de prisão feminina

Ex-detentas revisitam a Cadeia Feminina de Santos e contam o que viveram no local desativado em 2007

28/08/2020 16h30

Por Thamires Viana

Em breve o cinema nacional trará para as telonas um novo documentário emocionante, Flores Do Cárcere produção que segue a história de seis mulheres que passaram pela Cadeia Feminina de Santos. Doze anos depois de saírem da prisão, as ex-detentas revisitam o local e preenchem o espaço vazio com depoimentos e lembranças sobre o encarceiramento e a nova vida na sociedade.

No documentário inspirado no livro homônimo escrito por Flávia Ribeiro de Castro em 2011, Mel, Xakila, Dani, Charlene, Rosa e Ana Pérola contam em detalhes como foi passar uma parte da vida atrás da grades e destacam as estruturas do local desativado em 2007. "A cadeia é um mundo dentro de um mundo. Imagine que você esteja dentro de um labirinto só que não tem saída", diz Mel no início no teaser já divulgado.

Flores Do Cárcere traz a abordagem do assunto de forma leve e leva o público a conhecer sobre as dores das mulheres que enfrentaram a superlotação e as condições degradantes do local. Elas também refletem sobre autoestima, preconceito e reinserção na sociedade. "É tirar essa visão de que não podemos fazer mais nada porque fomos presas, que a gente não é ninguém. Não morremos, estamos vivas!", diz Charlene.

Dirigido por Bárbara Cunha e Paulo Caldas, o documentário mescla as entrevistas com cenas do passado e reavalia as condições que culminaram no fechamento do presídio em 2007.

Flores Do Cárcere foi apresentado na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo em 2019, mas ainda não tem previsão de estreia confirmada.

Confira o teaser:

Veja também: Tudo sobre Cinema Nacional


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus