cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Ele tem a Força! He-Man volta à Netflix 36 anos depois

    Relembre a série original e conheça a continuação que chega em breve
    Por Daniel Reininger
    14/06/2021 - Atualizado há 5 dias

    A Netflix deixou a internet maluca com o anúncio de Mestres do Universo: Salvando Eternia, série animada que continua a história de He-Man

    A nova animação, sequência do sucesso nos quadrinhos e na televisão nos anos 80 e 90, terá uma pegada diferente, mas continua a trama do desenho clássico, ou seja, a trama iniciará a partir da batalha final entre Príncipe Adam e Esqueleto. 

    Sem falar no visual, inspirado na obra original. Saiba mais sobre a produção:

    Mestres do Universo: Salvando Eternia

    A série produzida por Kevin Smith traz no elenco de vozes Mark Hamill (Star Wars) como o Esqueleto, Lena Headey (Game of Thrones) como Maligna e Chris Wood (Supergirl) como o Príncipe Adam/He-Man.

    O criador explicou sobre o título durante o evento ‘Geeked Week’ realizado pela Netflix "Nossa abordagem para a história foi tipo, ‘O que acontece se ela descobrir? O que acontece quando ela descobre quem He-Man realmente é? E se ela aprendesse isso não com ele confessando? Algo acontece que quebra o mundo de todos e todas as revelações quando são reveladas”, comentou o showrunner.

    O projeto ainda conta com Sarah Michelle Gellar (Tila), Liam Cunningham (Mentor), Stephen Root (Pacato/Gato Guerreiro), Diedrich Bader (Rei Randor e Mandíbula), Griffin Newman (Gorpo), Henry Rollins (Triclope), Susan Eisenberg (Feiticeira), Alicia Silverstone (Rainha Marlena), Justin Long (Roboto), Jason Mewes (Stinkor), Kevin Michael Richardson (Homem Fera) e Kevin Conroy (Aquático), entre outros.  

    Alan Oppenheimer, a voz original do Esqueleto, estará no anime como o vilão Homem Musgo.

    O roteiro é assinado por Eric Carrasco (Supergirl), Tim Sheridan (Reign of the Supermen), Diya Mishra (Magic the Gathering) e Marc Bernardin (Alphas). A promessa é de muita fantasia misturada com sci-fi, sempre fiel à animação clássica.

    A animação é da Powerhouse Animation, estúdio também de Castlevania, da Netflix, então podemos esperar um desenho com muita qualidade e perfeito para cenas de ação.

    Original

    He-Man é o protagonista de Mestres do Universo, uma franquia de brinquedos criada pela Mattel. A série animada intitulada  He-Man e os Defensores do Universo fez sucesso na televisão a partir de 1983 e teve mais de 130 episódios.

    O personagem principal tem como principal característica a força sobre-humana. E ele é o alter ego do Príncipe Adam.

    He-Man e seus amigos defendem o reino de Eternia e os segredos de Castelo de Grayskull das forças do mal.

    O designer de brinquedos, Mark Taylor, afirma que o design original de He-Man foi inspirado por homens Cro-Magnon e vikings.

    Originalmente, He-Man foi apresentado aos executivos da Mattel em três protótipos: um bárbaro, um soldado e um homem do espaço. A versão bárbara foi escolhida para ser a base do action figure.

    Na HQ lançada com a primeira série de brinquedos, He-Man era um bárbaro de uma tribo de Eternia, lidando com as consequências das Grandes Guerras, que devastaram as civilizações. As guerras deixaram máquinas e armamentos avançados, conhecidos apenas por pessoas seletas. A Feiticeira do Castelo de Grayskull deu a He-Man algumas dessas armas para proteger Etérnia.

    Quando a série animada foi desenvolvida, as origens de He-Man mudaram e sua verdadeira identidade era o do Príncipe Adam de Eternia, filho do Rei Randor e da Rainha Marlena (uma terráquea), que governavam o Reino de Eternia no planeta do mesmo nome.

    A Feiticeira do Castelo de Grayskull deu ao Príncipe Adam o poder de se transformar em He-Man, a fim de proteger o planeta e os segredos do castelo.

    Esqueleto mantém-se como o grande vilão das histórias animadas, com planos de derrubar Grayskull, eliminar He-Man e seus aliados e aumentar o seu poder mágico.

    Continua após o anúncio

    Cinema

    Em 1987, a Cannon Films produziu um live-action dirigido por Gary Goddard: Mestres do Universo, que contou com Dolph Lundgren no papel de He-Man. Por sinal, o Príncipe Adam não aparece e o bárbaro era muito mais agressivo que o da série de TV de 1980. 

    O filme foi um grande fracasso comercial. Na trama, He-Man e amigos vão parar na Terra enquanto tentam recuperar uma chave cósmica para libertar a Feiticeira das garras do Esqueleto.

    Lembra desse longa?

    Estreia

    Mestres do Universo: Salvando Eternia estreia em 23 de julho na Netflix. Veja o trailer: