Era melhor ver o filme do Pelé? Veja algumas roubadas do cinema

O rei do futebol completa 80 anos nesta sexta

23/10/2020 16h15

Por Alexandre Dias

Você já deve ter ouvido a expressão "era melhor ver o filme do Pelé". Pois é, Edson Arantes do Nascimento, o rei do futebol, é a estrela dessa expressão usada para se referir a produções cinematográficas de qualidade duvidosa. Caso não lembre, o bordão nasceu no programa do Chaves, clássico exibido no SBT.

Apesar disso, o "filme do Pelé" não se refere a nenhum projeto específico do ator nas telonas, principalmente porque ele já deu as caras em vários longas. Um deles é Fuga Para A Vitória (imagem), o qual ele contracenou com Sylvester Stallone e Michael Caine. Até Didi e sua turma já atuaram juntos com o ex-jogador em Os Trapalhões e o Rei do Futebol. 

Nesta sexta-feira (23), Pelé completa 80 anos. No aniversário do rei, confira quais produções com certeza poderiam ter sido deixadas de lado pelo seu "filme":

A Reconquista (2000)

Direção: Roger Christian

Só o visual de John Travolta no longa já faz o espectador ter dúvida se devia ter comprado o ingresso. Na trama futurista, ele é Terl, um alienígena ganancioso que se vê obrigado a permanecer trabalhando na Terra. Com isso, ele planeja um grande golpe de extração de ouro de um lugar ainda desconhecido. 

 

Mulher-Gato (2004)

Direção: Pitof

O filme não foi nem um pouco fiel aos quadrinhos, o que deixou os fãs da anti-heroína da DC satisfeitos. No filme a sua identidade é a de Patience Philips (Halle Berry), uma tímida artista que trabalha como designer gráfica em uma empresa de cosméticos. Sem querer, ela se mete em uma grande conspiração empresarial e, após um incidente, adquire características dos felinos, como a agilidade e os sentidos aguçados. 

 

Cats (2019)

Direção: Tom Hooper

A computação gráfica as vezes falha, como nesta adaptação do musical clássico de Andrew Lloyd Webber. A história mostra a tribo de gatos Jellicles precisando tomar uma grande decisão em uma noite especial: escolher um dos gatos para ascender para o Heaviside Layer e conseguir uma nova e melhor vida.

 

Dragonball Evolution (2009)

Direção: James Wong

Dragonball é um fenômeno dos mangás e anime, mas o filme em live-action da franquia passou longe disso. A premissa traz o herói Goku (Justin Chatwin) tentando cumprir a promessa que fez ao seu avô antes dele morrer. Goku precisa reunir as sete bolas do dragão e impedir que o vilão Piccolo (James Marsters) utilize esse poder para dominar o mundo.

 

Batman & Robin (1997)

Direção: Joel Schumacher

Até o diretor do filme, Joel Schumacher, chegou a pedir desculpas pelo que fez com o Homem-Morcego nesse longa. Na trama, Batman e Robin, vividos por George Clooney e Chris O'Donnell, têm de enfrentar dois novos inimigos: Senhor Gelo (Arnold Schwarzenegger) e a Hera Venenosa (Uma Thurman).

 

O Filho Do Máskara (2005)

Direção: Lawrence Guterman

Jim Carrey fez muita falta nesta continuação de O Máskara. O longa não trouxe o ator ou o personagem dele de volta. A trama aborda o cartunista Tim Avery (Jamie Kennedy), que está preocupado após descobrir que seu filho tem habilidades incríveis: o bebê possui os poderes da máscara de Loki (Alan Cumming), objeto mitológico que transforma aquele que o usa em alter ego bizarro capaz de mudar de forma. 

 

Nesta lista você leu sobre: Fuga Para A Vitória, Sylvester Stallone.

Veja também: Veja esses filmes e séries sobre futebol


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus