cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Festival Guarnicê anuncia vencedores e inaugura nova fase

    Por Celso Sabadin
    28/06/2010

    Foi uma cerimônia simples e rápida. Cerca de 300 pessoas acompanharam na noite de sábado (26/6) a entrega dos prêmios do 33o. Festival Guarnicê de Cinema, em São Luís do Maranhão, o quarto mais antigo do Brasil, que pela primeira vez em sua história busca novos horizontes, à procura de crescimento e - se tudo der certo - um maior reconhecimento em nível nacional.

    Um passo importante foi dado: com a mudança do local do evento para o Centro de Convenções do Sebrae, o Guarnicê ganhou muito em conforto e em qualidade de projeção e som. Talvez tenha perdido parte de seu público, em função da distância do novo local, mas seu realizador, Alberto Dantas, sabe que se trata de uma aposta a médio prazo.

    O Guarnicê ainda não premia longa (o que talvez seja mudado já no próximo ano), mas abre espaço para premiações de curtas tanto em vídeo como em 35 mm. Confira os premiados deste ano:

    CATEGORIA VÍDEO - JÚRI OFICIAL

    Melhor Roteiro
    Marcley de Aquino e Duarte Dias pelo vídeo Céu Limpo (CE)

    Melhor Direção
    Mariley Carneiro pelo vídeo Olhar de João (GO)

    Melhor Fotografia
    Bruno Polidoro pelo vídeo Enciclopédia (RS)

    Melhor Edição
    Leandro Godinho pelo vídeo Darluz (SP)

    Melhor Trilha Sonora Original
    Marcos Rivero pelo vídeo A Pedra que o Estilingue Lança (ES)

    Melhor Trilha Sonora Adaptada
    Light My Fire (RJ)

    Melhor Direção de Arte
    Luiz Roque pelo vídeo Tratado de Liligrafia (RS)

    Melhor Ator
    Eduardo Sandagorda pelo vídeo Enciclopédia (RS)

    Melhor Atriz
    Mawusi Tulani pelo vídeo Darluz (SP)

    Melhor Documentário
    Tereza - Cor na Primeira Pessoa, de Amaro Filho e Marcílio Brandão (PE)

    Melhor Ficção
    Pensão dos Caranguejos, de Marcelo Presotto (SP)

    Melhor Animação
    Libertas, de Jackson Abacatu (MG)

    Melhor Vídeo Maranhense
    Na Costa da MInha Mão, de Andréa Barros

    Melhor Vídeo Nacional
    Olhar de João, de Mariley Carneiro (GO).

    Menção Honrosa
    pela experimentação estética de para Ruídos do Tempo, de André Garros e Gabriel Carvalho (MA)

    Prêmio BNB de Cinema Melhor Vídeo Nacional
    Olhar de João, de Mariley Carneiro (GO)

    Prêmio Cinematográfico Assembléia Legislativa do Maranhão:
    Prêmio Bernardo Almeida: Na Costa da Minha Mão, de Andréa Barros (MA)
    Prêmio Mauro Bezerra: Na Costa da Minha Mão, de Andréa Barros
    Prêmio Estúdios Mega Rio De Janeiro: Na Costa da Minha Mão, de Andréa Barros (MA)

    CATEGORIA VÍDEO - JÚRI POPULAR

    Melhor Vídeo Nacional: TRATADO DE LILIGRAFIA, de Frederico Pinto (RS)
    Melhor Vídeo Maranhense: MAR DE ROSAS, de Rwanyto Oscar

    CATEGORIA FILME - JÚRI OFICIAL

    Melhor Roteiro
    Jimi Figueiredo pelo filme Verdadeiro ou Falso (DF)

    Melhor Direção
    Gilberto Scarpa pelo O Filme Mais Violento do Mundo (MG)

    Melhor Fotografia
    Beto Martins pelo filme Ave Maria ou Mão dos Sertanejos (PE)

    Melhor Montagem
    Caio Zatti pelo filme Ave Maria ou Mão dos Sertanejos (PE)

    Melhor Trilha Sonora Original
    Marcio Brant pelo filme Revertere Ad Locum Tuum (MG)

    Melhor Trilha Sonora Adaptada
    Bailão, de Marcelo Caetano (SP)

    Melhor Direção de Arte
    Ricardo Movits pelo filme Verdadeiro ou Falso (DF)

    Melhor Ator
    Auro Juriciê pelo filme Vela ao Crucificado (MA)

    Melhor Atriz
    Elza Gonçalves pelo filme Vela ao Crucificado (MA)

    Melhor Documentário
    Ave Maria Ou Mão Dos Sertanejos, de Camilo Cavalcante(PE)

    Melhor Ficção
    Verdade ou Falso, de Jimi Figueiredo (DF)

    Melhor Animação
    A Esperança é a Última que Morde, de Neil Armstrong (CE)

    Melhor Filme
    Ave Maria ou Mãe dos Sertanejos, de Camilo Cavalcante (PE)

    Prêmio BNB de Cinema
    Ave Maria ou Mãe dos Sertanejos, de Camilo Cavalcante (PE)

    Prêmio Megacolor
    Ave Maria ou Mãe dos Sertanejos, de Camilo Cavalcante (PE)

    Prêmio Kodak
    Vela ao Crucificado, de Frederico Machado (MA)

    CATEGORIA FILME - JÚRI POPULAR

    Melhor Filme
    Vela ao Crucificado, de Frederico Machado (MA)