cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Geraldine Chaplin acredita que Grande Ditador continua relevante

    Por Da Redação
    17/02/2002

    A primogênita de Charlie Chaplin, Geraldine Chaplin, disse na última sexta-feira que u dos maiores clássicos o de seu pai, O Grande Ditador, é tão relevante quanto foi em sua estréia, em 1940. "Este filme é tão bom agora e tão significativo quando era há 62 anos", disse a atriz de 57 anos, em entrevista para promover seu novo filme, uma co-produção da Espanha e da Argentina, En la ciudad sin limites.

    A exibição da versão restaurada de O Grande Ditador - com negativos originais e trilha sonora remasterizada digitalmente - encerra o Festival de Berlim neste domingo.

    As filmagens de O Grande Ditador filmagens começaram dias depois que a Segunda Guerra Mundial começou, em 1939. Chaplin interpreta o ditador Adenoid Hynkel, uma paródia de Hitler, e seu sósia, um barbeiro judeu. Um caso de identidade trocada permite que o barbeiro tome o lugar de Hynkel, quando ele faz um discurso pela paz. Embora o discurso seja criticado por sua ingenuidade, o filme foi escolhido para fechar o evento justamente por causa desse texto.