cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    GLOBO DE OURO 2015: Com três prêmios, Boyhood é o grande vencedor da noite

    Patrícia Arquette e o diretor Richard Linklater se uniram ao prêmio de melhor filme dramático concedido ao longa
    Por Gustavo Assumpção
    12/01/2015

    A Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood realizou neste domingo o Globo de Ouro 2015. O prêmio consagrou Boyhood: Da Infância À Juventude, do diretor norte-americano Richard Linklater filmado ao longo de 12 anos. O projeto conta a história do menino Mason, dos primeiros anos de vida ao amadurecimento.

    + Leia a crítica de Boyhood

    A cerimônia apresentada pela dupla Tina Fey e Amy Poehler soube dosar humor e seriedade: mesmo brincando com a polêmica envolvendo o longa A Entrevista, a dupla lembrou do ataque ao jornal francês Charlie Hebdo - atentado que chocou o mundo na última semana.

    Premiada como melhor atriz em comédia e musical, Amy Adams espantou o azar das indicações frustradas dos últimos anos e venceu por seu trabalho em Grandes Olhos, ainda inédito no Brasil. "Eu tenho sorte de ter tantos grandes papeis femininos", disse emocionada. Já Patricia Arquette, vencedora do prêmio de melhor atriz coadjuvante por Boyhood: Da Infância À Juventude, usou cola nos agradecimentos e brincou: "Eu sou uma nerd com um pedaço de papel nas mãos!".

    Como anunciado anteriormente, George Clooney recebeu o prêmio honorário Cecil B. DeMille, por sua contribuição ao cinema. O diretor foi ao evento com um bottom "Je Suis Charlie", referência ao atentado ocorrido na capital francesa.

    + George Clooney faz discurso político no Globo de Ouro

    Visivelmente emocionado, Michael Keaton, premiado por Birdman Ou A Inesperada Virtude Da Ignorância, deixou as lágrimas rolarem no palco e agradeceu ao diretor Alejandro González Iñarritu pela chance de retomar a carreira de ator dramático. "Tenho certeza que todos aqui gostariam de participar de um filme dele".

    Sempre injustiçada, Juliane Moore venceu por Para Sempre Alice. Já o jovem Eddie Redmayne superou os fortes concorrentes e ficou com o prêmio principal de atuação por A Teoria De Tudo

    Veja a lista completa dos vencedores:

    Melhor ator coadjuvante: J.K. Simmons por Whiplash - Em Busca Da Perfeição

    Melhor trilha sonora: Yohan Yohanson por A Teoria De Tudo

    Melhor canção original: Glory, canção do John Legend para o drama Selma

    Melhor atriz em comédia ou musical: Amy Adams por Grandes Olhos

    Melhor animação: Como Treinar O Seu Dragão 2

    Melhor atriz coadjuvante: Patricia Arquette por Boyhood: Da Infância À Juventude

    Melhor roteiro: Alejandro González Inarritu, Nicolas Giacobone e Alexander Dinelaris Jr por  Birdman

    Melhor filme estrangeiro: Leviatã

    Melhor diretor: Richard Linklater por Boyhood: Da Infância À Juventude

    Melhor ator em comédia ou musical: Michael Keaton por Birdman Ou A Inesperada Virtude Da Ignorância

    Melhor filme de comédia ou musical: O Grande Hotel Budapeste

    Melhor atriz em drama: Julianne Moore por Para Sempre Alice

    Melhor ator em drama:Eddie Redmayne por A Teoria De Tudo

    Melhor filme drama: Boyhood: Da Infância À Juventude