cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Godzilla vs. Kong promete a luta mais impressionante de 2021 nos cinemas

    Saiba o que acontece quando dois ícones se unem a uma tela gigante
    Por Daniel Reininger
    26/04/2021 - Atualizado há 3 meses

    Godzilla vs. Kong explodem em bilheteria e são os responsáveis pela rápida volta do público aos cinemas mundo afora. O filme vem sendo saudado como um retorno estrondoso à experiência das telonas e em breve chega ao Brasil quebrando tudo com cenas de lutas épicas!

    A trama que coloca os dois gigantes frente a frente se tornou um grande sucesso lá fora com mais de US$ 406 milhões arrecadados em bilheteria nos países que já exibem Godzilla vs. Kong. E o filme estreia no Brasil no começo de maio, com a promessa de repetir o feito!

    Vale lembrar que 2021 deve ser o ano de lançamento de alguns dos filmes mais esperados da década, como Homem-Aranha 3 e Eternos da Marvel, novos 007, Missão: Impossível e Velozes e Furiosos. Por isso a surpresa quando, já no final de março de 2021, o primeiro blockbuster de grande orçamento chegou aos cinemas e, com ajuda de seus protagonistas, esmagaram as bilheterias.

    Pois é, esses dois monstros icônicos superaram as adversidades e reinaram em uma nova era e nos fazendo lembrar de como é magnífica a experiência de cinema, afinal, nada melhor do que ver um filme numa sala escura e tela grande. Gigantes exigem telas dignas deles!

    O marketing viral que acompanhou o lançamento do filme ajudou a gerar mais de US$ 50 milhões na sua estreia nos Estados Unidos e mais de US$ 70 milhões durante sua estreia na China. Esse bem-sucedido fim de semana de abertura fez desse o filme a maior bilheteria de toda a pandemia e seu desempenho foi tão bom que se destaca até mesmo entre números pré-pandemia.

    Impressionante!

    Cena de Godzilla vs KongReprodução

    Aprovação

    Os números são bons, mas pelo menos os críticos também gostaram do filme, dentro de sua proposta, claro.

    O longa tem 75% de aprovação no site agregador de críticas Rotten Tomatoes, um belo resultado ainda mais por já ter mais de 340 análises. A maioria dos críticos concordam que o longa entrega exatamente o que promete no título, com Godzilla e Kong garantindo um espetáculo magnífico e com tecnologia de ponta.

    Até Elon Musk elogiou o longa quando o viu. O fundador das empresas SpaceX e a Tesla Motors revelou em seu Twitter oficial que já assistiu ao filme e que este é "o mais insano" que ele já viu.

    "Godzilla vs Kong é tão incrível, uau! 
    O filme mais insano que já vi! 
    Carta de amor aos teóricos da conspiração! 
    E ainda assim emocionante no final."

    Veja a postagem:

    Continua após o anúncio

    A história dos gigantes

    King Kong foi lançado em março de 1933 e um sucesso instantâneo com efeitos especiais inovadores, como os efeitos stop-motion. Assim nasceu um novo gênero de blockbuster, o filme de monstro. Anos mais tarde, seguindo essa lógica, teríamos Jurassic Park de Steven Spielberg com dinossauros digitais.

    A franquia do gorilão continua a ser um sucesso financeiro até hoje. Seu último filme, Ilha da Caveira, fez mais de US$ 560 milhões nas bilheterias de todo o mundo. O remake de 2005, estrelado por Jack Black e Naomi Watts, também arrecadou mais de US$ 560 milhões em todo o mundo.

    Godzilla, por sua vez, foi criado no Japão e contou com os mesmos efeitos especiais que King Kong tinha usado. O filme teve sucesso como uma franquia e fez sucesso no ocidente também. Em 1956, uma versão americanizada do filme foi editada e deu muito lucro aos produtores. O filme inspirou vários outros blockbusters de grande sucesso.

    Os dois gigantes, parte do MonsterVerse da Warner, fazem parte de um império de bilhões de dólares e sucesso em muitos países. A franquia Godzilla voltou a ser uma febre e não é nenhuma surpresa que a união desses monstros na tela, com a tecnologia de ponta atual, sua batalha se torne um sucesso tão arrebatador.

    Vale lembrar que, em 1962, os monstros se encontraram pela primeira vez nos cinemas em King Kong vs. Godzilla e o sucesso, na época, foi grande. Isso que eles nem tinham IMAX naquela época!

    A briga agora

    E nada como ver monstros gigantes tretando numa telona. Godzilla reina soberano com 120 metros de altura, mas Kong cresceu muito desde a última vez que o vimos em A Ilha da Caveira e agora ele tem 102 metros de altura. Isso sim é uma briga de gigantes!

    No novo filme, as lendas se enfrentam e colocam o destino do mundo em jogo. Kong e seus protetores embarcam em uma jornada perigosa para encontrar seu verdadeiro lar, mas no caminho estava Godzilla enfurecido, que está deixando um rastro de destruição pelo planeta. Esse combate épico entre os dois titãs é instigado por forças ocultas e é apenas o começo do mistério que jaz no núcleo da Terra.

    As três produções do universo dos monstros deixam claro que Godzilla e Kong não são vilões, o que significa que a briga deles é apenas o início de algo ainda maior.

    Futuro

    O acordo da Legendary Pictures com Toho, dona dos direitos de Godzilla, expirou em 2020 deixando o futuro do MonsterVerse da Warner incerto. Só que o sucesso do novo filme e a disposição do público em voltar aos cinemas devem aumentar bem as chances de uma sequência para os próximos anos. Ou, pelo menos, vermos um filme extra para cada monstro chegar aos cinemas separadamente.

    E o mais importante: Esses dois monstros se uniram, bem como no filme, para enfrentar um inimigo ainda maior do que eles, a pandemia! Juntos, conseguiram mostrar que o cinema é uma força gigante no entretenimento e, mesmo com diversas fontes de acesso a filmes, ver uma produção como essa numa sala de cinema ainda é imbatível.

    Continua após o anúncio
    Cena de Godzilla 2Reprodução

    Estreia no Brasil

    Godzilla vs. Kong tem previsão de estreia nos cinemas brasileiros a partir de 06 de maio, mas já conta com sessões antecipadas a partir de 29 de abril em diversos cinemas. 

    Assista ao trailer:

    Veja mais