cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Grande estúdio MGM pede concordata nos Estados Unidos

    Por Da Redação
    03/11/2010

    Os grandes problemas financeiros que a MGM (Metro-Goldwin-Mayer) enfrentou nos últimos anos levaram o estúdio americano a pedir concordata na corte dos Estados Unidos. Como parte do projeto de reestruturação, a MGM, junto a seus credores, fez um acordo com o investidor milionário Carl Icahn antes de fazer o pedido.

    O processo, conhecido no Brasil como recuperação judicial, visa prolongar a possibilidade de pagamento das dívidas de quem não pode arcar com o valor e está próximo da falência.

    Icahn já buscava realizar uma fusão entre a LionsGate, empresa em que também possui grande investimento, e a MGM. Mas, após as respostas negativas dos grandes chefes da MGM, ele passou a apoiar o plano que coloca os chefes de produção cinematográfica e finanças da Spyglass Entertainment no comando da Metro-Goldwin-Mayer assim que ela saísse da concordata.

    Alguns filmes que estavam sob os cuidados da empresa vinham sendo atrasados por essa complicada situação financeira. O Hobbit, baseado no livro de J.R.R. Tolkien, e o novo filme da série James Bond são dois exemplos.

    O plano de reestruturação deve ser aprovado pela justiça em até 30 dias.