cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    J.J. Abrams revela mais detalhes sobre Super 8

    Diretor comenta que o filme foi formado a partir de dois roteiros pré-existentes.
    Por Da Redação
    07/02/2011

    O cineasta J.J. Abrams (Star Trek) fala pouco sobre seus novos projetos, especialmente Super 8, filme que conta com produção de Steven Spielberg (Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal). Após ter apresentado um spot neste domingo (6/2) no intervalo do Super Bowl, o diretor revelou detalhes da trama do longa em entrevista ao Los Angeles Times, incluindo alguns spoilers leves.

    Segundo o jornal, o filme se passa em Ohio, no ano de 1979. A trama envolve seis crianças que, com uma câmera Super 8, estão filmando seu próprio filme de zumbis quando são surpreendidos por uma colisão de trens. Acidentalmente eles filmam o acontecimento, que liberta uma criatura “definitivamente não humana” do trem para os confins da pequena cidade de Americana.

    Para o diretor, no centro do enredo está a história de um dos meninos do grupo que, junto a seu pai, tem que enfrentar o luto do falecimento da mãe. “Um garoto que perdeu a mãe e um homem que perdeu sua esposa. Este é um pai que, por causa do período, nunca teve que cuidar muito de seu filho. Ele é bom homem, trabalhador, um deputado na cidade, mas nunca teve que se virar com as exigências de ser um pai”, contou.

    Abrams também afirmou que Super 8 é a junção de dois roteiros já existentes. Um deles sobre o amadurecimento de crianças que descobriam o mundo por meio de suas câmeras Super 8, enquanto o outro se preocupava em discutir como seriam as regras e regulamentos de locais como a Área 51. Um roteiro possuía os personagens e o outro a premissa, então o cineasta decidiu uní-los, formando o filme.

    “Conforme o processo foi acontecendo, eu percebi que iria poder fazer deste filme o meu tipo favorito, que é um gênero bem difícil de distinguir”, comentou Abrams. “Isso acontece porque você poderia dizer – e estar certo – que é um filme de ficção científica; ou dizer – e estar certo – que é uma história de amor; ou dizer – e estar certo – que é uma comédia; ou dizer – e estar certo – que é um espetáculo de efeitos visuais. Esse tipo de coquetel é o que eu amo sobre o cinema”, afirmou.