cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Jared Leto afirma que jamais deixaria de tocar na Ucrânia

    Depeche Mode cancelou shows no país devido a situação crítica atual
    Por Cristina Tavelin
    15/03/2014

    Ao receber o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por Clube De Compras Dallas, Jared Leto mandou uma mensagem de apoio à Ucrânia devido aos recentes conflitos por lá. Alguns grupos reivindicam a inserção do país na União Europeia, enquanto outros clamam pela aproximação com a Rússia. Centenas já morreram nas ruas e, no próximo domingo, 16, haverá referendo para decidir o destino da Crimeia.

    Frente à situação, algumas bandas cancelaram seus shows no país, como o Depeche Mode. Mas não a de Leto. Segundo o ator, "de jeito nenhum o 30 Seconds for Mars não estaria lá", avisou durante uma apresentação em Kiev, na quarta-feira.

    "Vocês estão no meio de algo verdadeiramente bonito e pode ser difícil, mas não há preço alto o bastante para o privilégio de ser você mesmo". No dia seguinte, visitou locais onde flores foram colocadas em homenagem aos manifestantes mortos em confrontos com a polícia e outras forças de segurança. 

    Será que Leto já viu as imagens dos grupos de extrema-direita armados com correntes e dos militares reformados que também foram às ruas? Apesar da boa intenção, o ator parece estar longe de entender o que se passa na Ucrânia - assim como a maioria de nós.