Juntos e Enrolados: Após polêmica, filme com Cacau Protásio e Rafael Portugal vai chegar aos cinemas

Programada para chegar aos cinemas brasileiros no segundo semestre de 2020, a produção promete muita confusão

30/09/2020 09h40

Por Daniel Reininger

Cacau Protásio e Rafael Portugal fazem festa dos sonhos no longa nacional Juntos E Enrolados, comédia rodada no Rio de Janeiro que promete subverter os conceitos mais tradicionais das celebrações de casamento.

Com direção de Eduardo Vaisman (180º) e Rodrigo Van der Put (indicado ao Emmy Internacional 2019 pelo especial Se Beber, Não Ceie), o filme é estrelado por Rafael Portugal (Porta dos Fundos) e Cacau Protásio (Vai que Cola).

Muita confusão

Na história de Juntos e Enrolados, após dois anos de namoro e muita economia financeira, Júlio (Portugal) e Daiana (Protásio) finalmente alcançaram o sonho de realizar a festa de casamento dos sonhos. Tudo parece estar indo bem, até que o noivo recebe uma mensagem em seu celular antes da cerimônia começar.

É aí que uma confusão generalizada começa, mas a festa precisa continuar. Só que o que era para ser uma celebração do amor pode virar um motivo para o divórcio.

Elenco e produção

Os cineastas Eduardo Vaisman e Rodrigo Van Der Put queriam uma trama leve, divertida e capaz de subverter o casamento, então recorreram a Rodrigo Goulart, Sabrina Garcia (dupla de Um Tio Quase Perfeito) e o redator da TV Globo, Cláudio Torres Gonzaga, para a produção do roteiro, repleto de sketches e situações inusitadas.

Prato cheio para o elenco repleto de astros e comediantes de primeira linha como Berta Loran (Escolinha do Professor Raimundo), Fafy Siqueira (Zorra Total), Neusa Borges (O Clone), Leandro Ramos (Choque de Cultura), Evelyn Castro (Porta dos Fundos), Fábio de Luca (Porta dos Fundos), Matheus Ceará (A Praça É Nossa), Cezar Maracujá (Parafernalha) e Paulo Carvalho (Os Caras de Pau).

Vale lembrar que a produção é de Rodrigo Letier, da produtora Kromaki, em parceria com a Chamon Produtora e em coprodução com a Globo Filmes.

E o filme conta com as participações especiais de Marcos Pasquim (O Tempo Não Para) e Emanuelle Araújo (Órfãos da Terra).

Polêmica

Em 2019, Cacau Protásio grava cenas do filme no Quartel-Central do Corpo de Bombeiros, no Rio de Janeiro, mas foi vítima de racismo, gordofobia e homofobia com o episódio através de um grupo de WhatsApp.

Na gravação da cena registrada por um bombeiro, Cacau usa farda e dança com quatro bailarinos. Nos áudios divulgados no blog do Leo Dias, um dos homens fala: "Olha a vergonha no pátio do quartel central. Essa mulher do 'Vai que Cola', aquela gorda, colocou a farda e botou os dançarinos viados com roupa de bombeiro. Isso é um esculacho, rapaz. Qual é a desse comandante? Vai deixar uma putaria dessas no pátio do quartel?". E a coisa só piora depois disso.

No dia da gravação, a atriz agradeceu em suas redes sociais a forma como foi recebida na corporação e disse estar orgulhosa. Quando soube do vídeo e dos comentários preconceituosos, postou a foto de um coração partido e quatro vídeos para explicar o que houve.

A cena, segundo ela, se trata do sonho de um personagem, que na trama é seu superior. "Sou negra, sou gorda, sou brasileira e sou atriz. Eu conto história, conto ficção. E eu não mereço ser agredida assim, como nenhuma pessoa. Eu respeito a opinião de alguns bombeiros de 'ah, eu não acho certo', mas vai ver realmente a história, vai ver o que é antes de agredir."

Nos comentários, famosos apoiaram a atriz. A cantora Anitta escreveu: "Ô minha amiga, fica triste por causa de um bando de ignorante, não. Você tão inteligente, tão talentosa. Tão do bem. Vá atrás de seus direitos, mas não fique triste porque eles não merecem. Te amo muitão".

O ator Ícaro Silva escreveu: "Cacau, amorzão, você é uma genuína inspiração de talento, amor, beleza e profissionalismo".

Assista aos vídeos:

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Vídeo 1.

Uma publicação compartilhada por Cacau Prota?sio (@cacauprotasiooficial) em27 de Nov, 2019 às 6:46 PST

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Vídeo 2.

Uma publicação compartilhada por Cacau Prota?sio (@cacauprotasiooficial) em27 de Nov, 2019 às 6:48 PST

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Vídeo 3.

Uma publicação compartilhada por Cacau Prota?sio (@cacauprotasiooficial) em27 de Nov, 2019 às 6:49 PST

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Cacau Prota?sio (@cacauprotasiooficial) em27 de Nov, 2019 às 6:50 PST

Lançamento

Programada para chegar aos cinemas brasileiros no segundo semestre de 2020, a produção promete muita confusão e risadas. "É risada garantida", garantiu Cacau Protásio. O primeiro trailer ainda não tem data para ser divulgado.


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus