cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Há 15 anos, 'Labirinto do Fauno' traumatizava as crianças

    Obra de Guillermo del Toro é uma fantasia sombria
    Por Daniel Reininger
    01/12/2021 - Atualizado há 7 meses

    O Labirinto do Fauno, dirigido por Guillermo del Toro (Hellboy), trata-se de uma bela fantasia com toques de suspense e sensibilidade. Só que o filme, vendido como uma fantasia, é muito mais aterrorizante do que muitos esperavam na época, o que deuxou muita gente traumatizada.

    No aniversário desse clássico, vamos analisar essa obra assustadora e marcante.

    O filme

    O Labirinto do Fauno e se passa durante o verão de 1944 na Espanha, cinco anos após a Guerra Civil Espanhola e durante o início do período franquista. O filme retrata as ações de um capitão falangista em seus esforços para caçar os espanhóis que rebelavam contra o regime fascista de Franco.

    Guillermo del Toro equilibra os horrores do mundo real e eventos históricos com uma narrativa de terror e fantasia, completa com designs de criaturas únicas. Enquanto uma menina de 10 anos chamada Ofelia (Ivana Baquero) testemunha os atos cruéis cometidos por seu novo padrasto, um comandante militar (Sergi López), contra rebeldes republicanos, ela descobre um mundo de fantasia e um antigo labirinto de pedra contendo um fauno.

    Cena de O Labirinto Do Fauno Reprodução

    Assustador

    O labirinto próximo à casa de Ofélia é ponto de partida para uma aventura mágica, num reino onde a garota é a princesa perdida. Guiada pela criatura conhecida como Fauno (parte bode, parte humana, parte árvore), ela entra numa tensa aventura em busca de sua salvação e de sua mãe. 

    O cenário real violento no qual a menina vive é refletido diretamente nos personagens e tarefas pelas quais passa em sua imaginação, envolvendo o espectador de forma encantadora.

    O filme é um espetáculo visual, com uma fotografia escura e sombria, com efeitos visuais que assustam e encantam o espectador. Del Toro constrói essa fábula com muito peso político, de forma bela e triste ao mesmo tempo. Ofelia, com seu olhar inocente de criança, transforma a violência real a qual assiste todos os dias e em algo lúdico e fantasioso, mas igualmente terível, em sua própria mente.

    Uma das razões pelas quais o longa é aterrorizante é a forma como ele conecta os espectadores aos medos que eles tinham quando crianças - o medo do escuro e de monstros. Outra razão é porque os perigos de dois mundos onde Ofélia vive parecem interligados e parece não haver escapatória do horror de nenhum deles.

    Elenco e personagens

    O longa conta com:

    • Ivana Baquero como Ofelia, uma garota que acredita ser a reencarnação de uma princesa do submundo.
    • Doug Jones como Fauno/Homem Pálido. Como o Fauno, Jones guia Ofelia para o mundo de fantasia. Como o Homem Pálido, ele interpreta um grotesco monstro que devora crianças.
    • Sergi López como Capitão Vidal, o padrasto de Ofelia e um oficial falangista.
    • Maribel Verdú como Mercedes, caseira de Vidal.
    • Ariadna Gil como Carmen, mãe de Ofelia e esposa de Vidal.
    • Álex Angulo como o Médico Ferrero, a serviço de Vidal, embora seja contra Franco.
    • Roger Casamajor como Pedro, irmão de Mercedes e um dos rebeldes.
    • César Vea como Serrano, um dos tenentes de Vidal.
    • Manolo Solo como Garcés, um dos tenentes de Vidal.
    • Federico Luppi como Casares, pai de Ofelia.
    • Pablo Ádan como Narrador/voz do Fauno.

    Assista

    Infelizmente, O Labirinto do Fauno está fora dos catálogos dos streaming brasileiros atualmente, por isso vale o apelo para que alguma disponibilize o filme no Brasil novamente!

    Veja o trailer:

    Veja mais