cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Por que o final da 5ª temporada irritou os fãs de 'Lucifer'?

    Comentamos, com spoilers, um momento polêmico da série
    Por Cauê Nessin
    04/06/2021 - Atualizado há 17 dias

    A tão aguardada segunda parte da 5ª temporada de Lucifer estreou no dia 29 de maio de 2021, na Netflix, trazendo oito novos episódios para concluir a trama.

    No entanto, parece que alguns acontecimentos desagradaram aos espectadores. Saiba o que esperar do final da 5ª temporada de Lucifer (SPOILERS a seguir!).

    Briga de família

    A segunda parte da quinta temporada de Lucifer começa exatamente onde o último episódio da primeira parte parou, isto é, no meio de uma discussão entre Lucifer, Michael e Amenadiel.

    No meio dessa discussão, Deus aparece e traz uma dinâmica muito peculiar para o enredo. A partir desse momento, o foco se torna o drama familiar. Pelo visto, até mesmo uma família de divindades tem seus problemas.

    Episódio musical

    Depois de muitos pedidos, os fãs foram atendidos. A segunda parte da quinta temporada de Lucifer trouxe um capítulo bem divertido, com direito a canções, performances e uma interessante dinâmica na qual Deus escolhe quais músicas seriam retratadas.

    Sem dúvida, esse episódio é um alívio cômico em meio a todo drama que está por vir pela frente. Embora não se conecte muito com o resto da trama.

    Continua após o anúncio

    A morte de personagens importantes e o "plano divino" [SPOILERS]

    Como todo bom pai, Deus quer sua família unida novamente, porém há muitas questões não resolvidas para que o equilíbrio seja restaurado. Além disso, Deus quer se aposentar e, para isso, precisa decidir qual de seus filhos será seu sucessor.

    A escolha, obviamente, fica entre Lucifer e Michael. Para trazer mais complexidade ao enredo, Lucifer ainda precisa ajudar Dan e Chloe a solucionar um caso de homicídio.

    Entretanto, enquanto Dan seguia uma pista, criminosos o sequestram e o torturam para tentar descobrir o paradeiro um bandido com habilidades sobrenaturais. Dan tenta escapar, mas é baleado durante sua fuga e Chloe acaba o encontrando pouco antes de morrer.

    Dan consegue fornecer uma importante pista sobre a localização do colar de Amenadiel. Com essa informação, Chloe descobre que o verdadeiro responsável pelo assassinato de Dan foi Michael.

    O grande plano de Michael era forçar o retorno de Lucifer ao Inferno para que, assim, ele pudesse se tornar o novo Deus.

    A morte de Dan foi a gota d'água para Lucifer entrar em guerra contra seu irmão. Mas, no meio da batalha, Chloe é morta por Michael. Como Lucifer foi banido do Paraíso, ele nunca mais poderá vê-la novamente.

    Os fãs ficaram chocados com esse triste desfecho, mas ao que tudo indica, esses acontecimentos abriram caminha para que a sexta e última temporada de Lucifer tenha grandes chances de bater recordes de audiência.

    Veja mais