Mostra de Cinema de São Paulo: 31 filmes serão exibidos gratuitamente

A 44ª edição do festival de cinema começa nesta quinta-feira (22)

22/10/2020 11h40

Por Thamires Viana

Começa nesta quinta-feira (22) a 44ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, tradicional festival brasileiro que apresenta anualmente filmes nacionais e estrangeiros em uma programação especial. Neste ano, a edição será em grande parte online, devido à pandemia do coronavírus, e os títulos serão exibidos em três plataformas digitais.

O festival anunciou que, além da programação que contará com filmes a R$ 6 na plataforma Mostra Play, 31 títulos serão exibidos gratuitamente para o público nas plataformas parceiras Sesc Digital e SPCine Play. Eles estarão disponíveis durante o período da Mostra: a partir das 20h desta quinta, 22 de outubro, até o dia 04 de novembro. 

Confira a lista completa de filmes que serão exibidos gratuitamente:

SESC DIGITAL

1986, de Lohar Herzog (Alemanha, Belarússia)

A Herdade, de Tiago Guedes (Portugal)

Cracolândia, de Edu Felistoque (Brasil)

Guerra, de José Oliveira e Marta Ramos (Portugal)

Ladrões de Cinema, de Fernando Coni Campos (Brasil)

Luz Acesa, de Guilherme Coelho (Brasil)

Sem Cabeça, de Kaveh Sajjadi Hosseini (Irã)

Nimby, de Teemu Nikki (Finlândia)

O Caminho para Moscou, de Micha Lewinsky (Suíça)

O Mágico e o Delegado, de Fernando Coni Campos (Brasil)

Sem Som, de Behrang Dezfoulizadeh (Irã)

Sobradinho, de Cláudio Marques e Marília Hughes (Brasil)

Uivos São Ouvidos, de Julio Hernandez Cordon (México)

Vencidos da Vida, de Rodrigo Areias (Portugal)

Viagem ao Fim do Mundo, de Fernando Coni Campos (Brasil)

Winona, de Alexandros Voulgaris (Grécia)

 

SPCINE PLAY

A Arte de Derrubar, de Aslaug Aarsæther e Gunnbjörg Gunnarsdóttir (Noruega, África do Sul)

A Vida na Estrada, de Sidra Rezwan, Salva Soleiman Sedo, Ekhlas Heydar Samubud, Adnan Faroq (Iraque)

Candango: Memórias do Festival, de Lino Meireles (Brasil)

Colômbia Era Nossa, de Jenni Kivistö, Jussi Rastas (Finlândia, França, Dinamarca, Noruega)

Dau. Degeneração, de Ilya Khrzhanovskiy E Ilya Permyakov (Alemanha, Ucrânia, Reino Unido, Rússia)

Eeb Allay Ooo!, de Prateek Vats (Índia)

Entre o Céu e a Terra, de Najwa Najjar (Palestina, Luxemburgo, Islândia)

Gatilho, de Pavel Ganin (Rússia)

La Planta, de Beto Brant (Brasil)

O Paraíso da Serpente, de Bernardo Arellano (Itália, México, Eua)

O Pequeno Refugiado, de Batin Ghobadi (Turquia, Irã)

Pilatos, de Linda Dombrovszky (Hungria)

Poppie Nongena, de Christiaan Olwagen (África Do Sul)

Samba de Santo - Resistência Afro-baiana, de Betão Aguiar (Brasil)

Solo, de Sevgi Hirschhäuser (Alemanha, Turquia)


Serviço

Para garantir o acesso às exibições online, a 44ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo criou uma plataforma própria chamada Mostra Play.

Nela, todos os filmes poderão ser vistos com ingressos a R$ 6,00 por visualização, mas fique atento pois haverá um número limitado de visualizações por filme. Além da Mostra Play, o festival também terá exibições de alguns de seus filmes nas plataformas Spcine Play e Sesc Digital.

Com preços a R$ 6,00, o espectador terá três dias para assistir aos títulos escolhidos após a aquisição dos ingressos e 24 horas a partir do acesso a cada um.

Vale pontuar que alguns títulos só estarão disponíveis por 24 horas, como o longa de abertura, Nova Ordem. Outros só entrarão na plataforma na segunda semana do evento, a pedido dos respectivos produtores. Então fique atento à programação.

Para maiores informções sobre a programação completa, acesse o site oficial da Mostra.

 

Veja também:

Entenda o que é a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo e conheça os destaques

Mostra de Cinema de São Paulo traz filmes a R$ 6

Filmes vencedores de festivais para ver na 44ª Mostra de Cinema de São Paulo


Deixe seu comentário
comments powered by Disqus