cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Norma Bengell é indiciada pela Polícia Federal

    Por Da Redação
    15/05/2007

    Considerada uma das principais representantes do Cinema Novo brasileiro, a atriz, cantora, compositora e cineasta Norma Bengell, de 71 anos, foi indiciada pela Polícia Federal sob as acusações de lavagem de dinheiro, evasão de divisas e apropriação indébita.

    Segundo a Polícia, a artista se apropriou do dinheiro arrecadado para produzir o longa-metragem O Guarani, em 1996. O Tribunal e Contas da União (TCU) alega que os recursos, com benefício de leis de renúncia fiscal, foram usados de maneira irregular.

    O ex-advogado de Norma, Roberto Edward Halbouti, também foi indiciado.

    Norma Bengell começou sua carreira no cinema em 1959, na comédia de Carlos Manga O Homem do Sputnik. Suas atuações mais reconhecidas foram em Casa Assassinada (1971), Mar de Rosas (1977), Eros, O Deus do Amor (1981) e Vagas Para Moças de Fino Trato (1983). Na direção, conquistou o prêmio de Melhor Filme do Festival de Gramado pelo filme Eternamente Pagu, de 1987.