cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    O. J. Simpson não matou esposa e amigo, garante investigador

    Ator e ex jogador de futebol americano foi julgado e absolvido pelo crime, que permanece sem desfecho
    Por Ana Carolina Addario
    21/05/2014

    Dezoito anos após chocar o mundo com a morte de Nicole Brown Simpson e Ron Goldman, novos indícios atestam que O. J. Simpson realmente não foi responsável pelo crime. Quem garante é o investigador particular William C. Dear, que dedicou os quase vinte últimos anos a essa tese.

    Segundo Dear no Business Inside, o ator e ex jogador de futebol americano não teria matado a esposa e seu amigo, mas visitou a cena do crime poucos momentos após acontecer. O investigador garante ainda possuir uma prova que incrimina Jason Simpson, filho do astro, pela autoria dos assassinatos.

    O intuito do investigador é "convocar um júri especial para reavaliar o caso e buscar o verdadeiro responsável pelo crime", com suas próprias palavras. Simpson foi julgado durante um ano e absolvido em 1995 pela morte de sua esposa e do amigo Ron Goldman, mas continuou estampando as manchetes do mundo com condutas fora do padrão.