cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Opinião: Mulher-Maravilha 1984 é presente de Natal que todos precisavam

    Sequência é vibrante e envolvente, capaz de usar o que funcionou no passado e ainda trazer algo único
    Por Daniel Reininger
    15/12/2020

    Finalmente Mulher-maravilha 1984 chega aos cinemas. A espera foi longa, mas valeu a pena e o longa da amazona é o presente de natal perfeito para animar esse complicado ano de 2020. Já assistimos ao filme e contamos tudo para você:

    Opinião

    Veja a crítica completa

    História

    Ambientada nos anos 80, a trama traz dilemas já vistos no filme anterior, além de novos fatores trazidos por essa conturbada época, como crescimento financeiro antes de um grande colapso e a Guerra Fria. Um desses desafios estará representada na figura de Maxwell Lord (Pedro Pascal), um executivo inescrupuloso e um dos antagonistas. 

    O filme vai girar também em torno do relacionamento entre Diana e Barbara Ann Minerva, uma arqueóloga que, nos quadrinhos, é obcecada em encontrar a lendária cidade perdida de Urzkartaga. 

    Vale apontar que a nova armadura da amazona é muito parecida com a introduzida no arco Reino do Amanhã das HQs e é usada quando Diana precisa de uma ajuda extra contra inimigos muito poderosos. 

    Elenco e direção

    O elenco tem o retorno de Gal Gadot como a amazona e Kristen Wiig estreia como a vilã Mulher-Leopardo. Além delas, Chris Pine também retorna como Steve Trevor, mesmo após morrer em Mulher-maravilha. Outra novidade no elenco é Pedro Pascal, que interpreta o vilão Maxwell Lord, um empresário nada ético.

    Com o retorno de Patty Jenkins na direção, Mulher-maravilha 1984 amplia o universo da amazona e foca na temática girl power.

    A vilã Mulher-Leopardo

    A Mulher-Leopardo é uma das mais antigas antagonistas da amazona. Nos quadrinhos, o manto da personagem pertenceu a muitas mulheres diferentes, mas, nas telonas, será retratada como a Dra. Barbara Ann Minerva, arqueóloga que absorveu os poderes da antiga guardiã de uma tribo africana e adquiriu aparência e habilidades semelhantes aos de um leopardo. Ela possui força e agilidade sobre-humanas, visão noturna aguçada e garras afiadas.

    Idealizada por William Moulton Marston, criador da Mulher Maravilha, e H. G. Peter, a personagem deveria representar a loucura da inveja. Desde então, a personagem passou por diversas mudanças e alterações. A vilã vivida por Kristen Wiig é uma versão mais moderna da antagonista.

    Conexão com DCEU

    Como uma sequência direta do primeiro Mulher-Maravilha, é esperado que o filme impacte o universo compartilhado da DC no cinema, mas não está claro ainda qual será a relação direta com a linha do tempo do DCEU. Nos anos 80, super-heróis são quase desconhecidos. Bruce Wayne ainda é uma criança de luto pela morte de seus pais e Clark Kent aterrissou recentemente em Smallville.

    Vale lembrar que com a mudança geral de foco da Warner Bros. e interesse em filmes independentes, manter um universo compartilhado e coeso não parece mais o principal objetivo do estúdio.

    Trailer

    Um dos trailers de Mulher-maravilha 1984 mostra a Mulher-Leopardo transformada, além de alguns segundos da luta épica entre a vilã e heroína. Além disso, fica claro a importância dos anos 80 na trama e vemos algumas cenas divertidas de Steve Trevor (Chris Pine) tentando entender "o futuro" ao lado de Diana. Confira:

    Continua após o anúncio

    Confira o primeiro trailer do longa divulgado na CCXP19: