cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Por onde anda Elijah Wood, o Frodo de O Senhor dos Anéis

    Após mudança de rumo na carreira e virar papai, ator tem trabalhado mais na TV
    Por Daniel Reininger
    28/01/2021 - Atualizado há 5 meses

    Depois de estrelar grandes franquias, Elijah Wood (Impacto Profundo) mudou seu perfil de trabalho e até mesmo decidiu de afastar um pouco dos holofotes. Relembre sua carreira e saiba por onde anda o Frodo de O Senhor Dos Anéis, que, por incrível que pareça, já tem 40 anos.

    Nos anos 90 e 2000, Wood parecia estar por toda parte. A trilogia O Senhor dos Anéis estava no auge de sua popularidade e filmes como Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças o tornaram uma das estrelas mais amadas do cinema.

    Mas então, de repente, assim como seu personagem Frodo, ele começou a sumir, como se ele também partisse para uma terra misteriosa e distante.

    É claro que com esses filmes na carreira, ele não precisa trabalhar novamente, mas o ator já revelou que ama atuar, mas quer participar dos projetos escolhidos a dedo.

    Até porque, em 2013, ele disse ao The Independent: "Aceitei há muito tempo que Frodo faria parte da minha vida para sempre. Tenho trabalhado em personagens completamente diferentes há muito tempo. Mas acho que em termos de referência popular, as pessoas lembram de mim como esse personagem". 

    Talvez, por isso, ele resolveu mudar de vez os rumos de sua carreira.

    Mudança de rumo

    Ao falar sobre o papel de um pianista aterrorizado pelo palco no thriller Toque de Mestre, o ator revela que tipo de personagens busca atualmente para sua carreira. "Eu acho cinema de gênero é muito forte em termos de disseminação devido a sua grande variedade de filmes. Sou sempre mais atraído por histórias menos mainstream e que me proporcionem experiências únicas e desafios interessantes", avaliou o ator em entrevista durante um festival espanhol.

    Antes desse longa, Elijah Wood trabalhou no remake de Maníaco, que conta a história de um serial killer cujos crimes contra mulheres são atribuídos ao fato do personagem ter sido abusado pela mãe na infância.

    Ele fez diversos filme menores, como Vem o Papai, em 2019, um filme surpreendente, mas que pouca gente ouviu falar.

    Elija também estará em dois filmes que chegam aos cinemas em breve, No Man of God, thriller sobre Ted Bundy, e L.A. Rush, um drama de crime produzido pelos EUA e pela China.

    Para quem começou em De Volta Para O Futuro II e se consagrou como o Frodo do O Senhor Dos Anéis, seu gosto por papéis mudou mesmo.

    Música e dublagem

    Elijah está firme e forte com os trabalhos pessoais que sente que são a sua cara, tanto que no começo dos anos 2000 ele iniciou também uma carreira musical. Se tornou um DJ de sucesso internacional e, em 2005, abriu sua própria gravadora, a Simian Records.

    Além disso, atualmente Wood investe pesado em sua carreira de dublador. Trabalha em diversos filmes animados, videogames e séries de TV, como Star Wars: A Resistência

    É realmente um artista completo!

    Biografia

    Elijah Wood como FrodoReprodução

    Nascido em Cedar Rapids, no dia 28 de janeiro de 1981, Elijah Wood é o filho de pais divorciados. Original do estado de Iowa, mudou-se com a família para Los Angeles em 1988, para se dedicar à carreira de ator.

    Ele é muito reservado com sua vida pessoal, mantendo seus relacionamentos longe das câmeras. Em 1987, participou do coro de The Sound of Music, em um festival anual de sua escola. No ano seguinte, Elijah atuou na peça O Mágico de Oz.

    Foi no filme indicado ao Oscar Avalon (1990), que Wood chamou atenção pela primeira vez. Depois de um pequeno papel no filme de Richard Gere, Justiça Cega (1990), Wood conseguiu seu primeiro papel de estrela em Paraíso (1991). Em seguida, co-estrelou com Mel Gibson e Jamie Lee Curtis em Eternamente Jovem (1992).

    Em 1993, Wood co-estrelou com Macaulay Culkin em O Anjo Malvado, que foi um desastre tanto de crítica como de bilheteria, pois ninguém comprou a ideia do garotinho loiro de Esqueceram de Mim ter virado um pré-adolescente psicopata, mas o filme ajudou a estabelecer o tipo de personagens pelos quais Wood ficaria conhecido: cheio de empatia de boas intenções.

    O astro é casado com a produtora de cinema dinamarquesa Mette-Marie Kongsved. Em fevereiro de 2020, eles se tornaram pais de Evan Kongsved-Wood.

    Depois de diversos outros filmes, foi escolhido para viver Frodo e sua vida mudou de vez.

    Veja o nosso top 6 com filmes do Senhor dos Anéis e O Hobbit

    Polêmica

    Elijah Wood no filme Vem com o Papai, de 2019Reprodução

    Em 2016, o ator criou polêmica ao denunciar que casos de pedofilia em Hollywood "são protegidos por figuras poderosas da indústria do cinema".

    Em entrevista ao jornal Sunday Times, Wood afirmou que os abusos ocorreram durante "muito tempo em Hollywood" e que "provavelmente" continuam a acontecer. "É provável que estas coisas sigam ocorrendo. Se você é uma criança inocente, com pouco conhecimento deste mundo e com vontade de vencer, os parasitas te veem como sua presa", argumentou.

    O ator afirmou que não sofreu abusos graças à proteção de sua mãe e de sua família. "Ela estava muito mais preocupada com fazer de mim um bom ser humano do que em facilitar minha carreira", disse o ator.

    "Há muitas víboras neste negócio que só têm em mente seus próprios interesses. O abuso continua porque as vítimas não podem falar tão forte quanto as pessoas poderosas", acrescentou.

    Após a repercussão, o ator procurou a mídia para negar ter conhecimento de casos e tentar esclarecer o que ele realmente sabe ou não sobre pedofilia em Hollywood. O ator conversou com o The Hollywood Reporter: "O Sunday Times me entrevistou sobre o meu mais recente filme, mas a história se transformou em algo completamente diferente. Deu origem a um número de manchetes falsas ou enganosas. Eu vi há pouco tempo um documentário muito poderoso e conversei brevemente com o repórter sobre o assunto, o que levou a consequências que eu não esperava. Lição aprendida."