cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Robert Pattinson afirma que não gostava de fazer parte de Crepúsculo

    O astro não entende porque a saga fez tanto sucesso
    Por Duda Smilari
    23/02/2021 - Atualizado há 4 meses

    Realmente alguns atores não se orgulham tanto de seus papéis em Hollywood. Um exemplo disso é Robert Pattinson, o astro que apareceu em 2010 na saga Crepúsculo, que está disponível na Netflix, arrasando corações.

    Ao contrário do que muitos pensam, Pattinson não se sente tão orgulhoso do papel que lhe rendeu uma fama inimaginável. Além disso, disse à Variety que não entende porque Crepúsculo fez tanto sucesso assim.

    No especial Actors on Actors, o ator revelou a Jennifer Lopez que a história de Edward e Bella é um pouco estranha ao seu ver. E chegou a comparar a saga com o filme de romance Diário de Uma Paixão.

    “É uma história esquisita, a de Crepúsculo. Não é como – é estranho ver o quanto as pessoas se envolveram com ela. Eu acho que os livros são bem românticos, mas não é romântico no estilo de Diário de Uma Paixão. O Diário de Uma Paixão é muito doce e de partir o coração, mas Crepúsculo é sobre um cara, e ele descobre a garota com quem quer ficar junto e ele também quer devorar ela. Quero dizer, beber o sangue dela ou coisa assim,” explica Pattinson. “Não é como se outras pessoas dissessem a eles que eles não podem ficar juntos, é o próprio corpo dele falando isso.”

    Mas o auge de seu desapontamento com a saga foi em 2011. O astro disse em entrevista à Vanity Fair que não gostava de fazer parte daquele universo, e sentiu que aquilo não era bem o que ele desejava para sua vida.

    “É muito estranho fazer parte de algo que você, pessoalmente, nem gosta”, e completou "Muitas das coisas daquele mundo não fazem sentido nenhum. É uma história muito estranha."

    Projetos do astro

    Robert Pattinson esteve em vários filmes de sucesso após Crepúsculo. Sua carreira decolou, e o astro participou de filmes famosos como Lembranças, Água Para Elefantes e O Farol, onde foi muito elogiado por seu papel de um ajudante de manutenção de Thomas Wake (Willem Dafoe), o responsável pelo farol de uma ilha isolada, que começa a enlouquecer gradualmente.

    Pattinson foi escalado para o novo Batman sombrio do futuro filme do Cavaleiro das Trevas, programado para chegar aos cinemas no final do ano. O ator explicou para a Vanity Fair França como ele vem se preparando para o papel de Bruce Wayne, personagem que ele  considera cheio de nuances e de ambiguidades.

    “Primeiro eu olho para o personagem e vejo o que eu e ele temos em comum. Eu avalio quais nuances eu vou ter que criar para ele, para torná-lo mais complexo a cada momento. Batman é um papel em que tenho que aprender a interpretar melhor a ambiguidade. Está fora de questão fazer um personagem que possui apenas um lado da moeda. É lindo gente que parece que tem dois lados de si ao mesmo tempo”, diz.

    Veja o trailer de The Batman