cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Salles apresentará Limite em Cannes

    Por Da Redação
    03/05/2007

    O cineasta brasileiro Walter Salles (Abril Despedaçado) será um dos convidados de honra da mostra Cannes Classics, que, desde 2004, traz filmes que marcaram a história do cinema mundial.

    Cannes Classic exibirá documentários sobre Marlon Brando, Maurice Pialat, Pierre Rissient e Lindsay Anderson, figuras indispensáveis ao se recontar a história do cinema. A organização do evento também anuncia o lançamento do World Cinema Foundation, que pretende prover ajuda financeira para a restauração e distribuição de clássicos do cinema mundial ao redor do mundo. Para marcar esse lançamento, serão exibidos três filmes restaurados, entre eles o brasileiro Limite, dirigido em 1931 por Mario Peixoto. Sua restauração foi feita pela Cinemateca Brasileira em parceria com a VideoFilmes, empresa que tem como um de seus sócios Walter Salles. Ele estará em Cannes para apresentar o longa-metragem. O cineasta Martin Scorsese (Os Infiltrados), principal homenageado na 60ª edição do Festival de Cannes, apresentará a versão restaurada de Transes, produção marroquina dirigida em 1981 por Ahmed El Maanouni; o diretor romeno Cristi Puiu apresentará Forest Of The Hanged (1964), produção da România dirigida por Liviu Ciulei.

    Também faz parte da programação do Cannes Classic a exibição dos seguintes filmes, também em cópia restaurada:

    - Israel Why (1972), de Claude Lanzmann (Itália/ França)
    - Bound by Chastity Rules (1962), de Sang-Ok Shin (Coréia do Sul)
    - Donne-moi Tes Yeux (1973), de Sacha Guitry (França)
    - Mikey & Nicky (1976), de Elaine May (EUA)
    - A Bandeira (1935), DE Julien Duvivier (França)
    - Suspiria (1977), de Dario Argento (Itália)
    - Les Aventures Du Prince Achmed (1926), de Lotte Reiniger (Alemanha)
    - O Vampiro da Noite (1958), de Terence Fisher (Inglaterra)
    - Yoyo (1965), de Pierre Étaix (França)

    A mostra também comemorará o centenário de John Wayne, que seria completado em maio deste ano, com a exibição de Hondo (1953) e Rio Bravo (1959). Também ganhará uma homenagem este ano o ator inglês Laurence Olivier, conhecido por seus papéis em peças de William Shakespeare. Cannes Classics programou três filmes restaurados protagonizados pelo ator e baseados em obras do dramaturgo inglês: Hamlet (1948), Henrique V (1944) e Ricardo III (1955).

    O 60º Festival de Cannes será realizado na Riviera Francesa de 16 a 27 de maio.