cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Será que em 2021 o Oscar premiará uma mulher como diretora?

    Após a vitória de Chloe Zhao no Globo de Ouro e Critics Choice Awards, a esperança foi renovada
    Por Thamires Viana
    08/03/2021 - Atualizado há cerca de 1 mês

    Estamos em 2021, época em que a tecnologia é avançada, o acesso à informação está cada vez mais fácil e praticamente tudo está ao alcance de um clique. No entanto, sabe o que ainda permanece desatualizado? O Oscar.

    Falo isso por um (grande) detalhe: em 93 anos de existência, a maior avaliação do cinema premiou apenas uma mulher com a estatueta de Melhor Direção. A década de 2010 quebrou o jejum com a premiação de Kathryn Bigelow pelo filme Guerra ao Terror e parecia que presenciávamos o momento em que, finalmente, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas deixaria a tabela 100% masculina de lado para olhar com mais cuidado às profissionais da área. Doce engano já que nos anos seguinte as mulheres foram, novamente, esquecidas pelo júri.

    Foi só em 2018 que a esperança de ver uma diretora conquistar o prêmio surgiu mais uma vez. Greta Gerwig chegou à cerimônia integrando os indicados com Lady Bird: A Hora de Voar. A tensão, expectativa e a vontade de gritar "até que enfim" se anularam, mais uma vez, quando o eleito Guillermo del Toro foi anunciado no palco.

    Apenas 5 indicações em 93 anos

    E o fato de termos só uma diretora ganhadora até o momento se deve à quantidade de indicações nesses mais de 90 anos. Apenas CINCO mulheres tiveram seus nomes listados como indicadas. 

    São elas Lina Wertmüller, cineasta italiana que recebeu uma nomeação pelo drama Pasqualino Sete Belezas, em 1977, a neozelandesa Jane Campion, que encantou o mundo com o filme O Piano em 1994, a queridinha da crítica Sofia Coppola, por seu filme longa emocionante Encontros e Desencontros em 2004, a vencedora Kathryn Bigelow, norte-americana que levantou sua estatueta com orgulho após o comando de Guerra ao Terror em 2010 e Greta Gerwig, a americana de ascendência alemã que caiu nas graças do público com Lady Bird: A Hora de Voar em 2018.

    A esperança de 2021

    Mas agora, dois anos depois, a esperança voltou com tudo! Chloe Zhao, diretora e roteirista chinesa, é uma das grandes apostas de 2021 para levar o prêmio. A cineasta por trás de Nomadland, drama estrelado por Frances McDormand, foi a grande vencedora do Globo de Ouro e do Critics' Choice Awards, dois termômetros do Oscar.

    O filme segue Fern (McDormand), uma nômade que explora os Estados Unidos após uma crise econômica. Nomadland também garantiu os prêmios de Melhor Filme nas premiações e é o grande cotado para levar a estatueta mais importante do cinema.

    Se levarmos em conta a lista de indicados das duas premiações, há ainda a possibilidade de vermos Regina King, atriz e diretora renomada em Hollywood, e Emerald Fennell, atriz e diretora britânica, também garantirem uma indicação neste ano. 

    King comanda Uma Noite em Miami, filme estrelado por Kingsley Ben-Adir e Leslie Odom Jr. que traz um relato fictício sobre uma noite em que nomes como Muhammad Ali, Malcolm X, Sam Cooke e Jim Brown se reúnem em um bar para discutir seus papéis na luta pelos direitos civis na década de 60. 

    Fennell conduziu a trama de de Bela Vingança, filme estrelado por Carey Mulligan que vem chamando a atenção da crítica com a potente história de uma jovem mulher que cria um plano de vingança após um trauma. 

    Cruzemos os dedos em torcida até o dia 25 de abril!

    Continua após o anúncio

    Oscar 2021

    A 93ª edição do Oscar acontece em 25 de abril deste ano e premia os melhores do cinema votados pelo júri que integra a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. Devido à pandemia de COVID-19, a cerimônia deverá ser realizada à distância, assim como o Globo de Ouro, mas sem deixar de lado as emoções que compõem anualmente a maior premiação da sétima arte.

    Fique ligado no Cineclick para acompanhar todas as novidades sobre o prêmio. 

    Conteúdo Relacionado