cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Star Wars: Episódio VII: Quinze possíveis diretores do novo filme

    Site faz lista com 15 possíveis diretores do novo Star Wars - Episódio VII
    Por Da Redação
    31/10/2012

    Agora que a notícia da compra da Lucasfilm pela Disney já foi (quase) absorvida, outras questões começam a surgir na cabeça dos fãs da franquia.

    George Lucas não será o diretor do próximo filme, Star Wars: Episódio VII, que já foi anunciado para 2015. Com isso, abre-se um enorme leque de possibilidades e ideias de quem poderia assumir o comando do longa. Em sua penúltima grande aquisição, a Disney trouxe a Marvel e a entregou nas mãos de verdadeiros nerds do assunto. O resultado tem sido muito bom, com filmes aclamados por público e crítica.

    Considerando o histórico, o mais sensato é confiar que a Disney não vai fazer besteira com uma série tão idolatrada e que possui fãs tão fervorosos. O The Hollywood Reporter publicou uma lista de possíveis (ou desejados) diretores que poderiam assumir o trono de Lucas. Vamos lá:

    J.J. Abrams: uma escolha óbvia depois de ter renovado com sucesso a franquia Star Trek nos cinemas em 2009. Assumidamente louco por fição científica, Abrams é fã de Star Wars desde pequeno e esteve à frente de grandes sucessos como o seriado Lost e os dois últimos longas de Missão Impossível (Em Protocolo Fantasma, como produtor).

    Jon Favreau: já até dublou um personagem na série animada Clone Wars. Além disso, tem muito crédito entre os fãs de Homem de Ferro por ter entregue dois filmes fantásticos do herói, considerados por muita gente os melhores de todos os tempos da Marvel. Além disso, foi produtor de Os Vingadores, o terceiro filme mais rentável da história do cinema. Capacidade ele tem.

    Joe Johnston: além de já ter escrito um livro de Star Wars, foi ele quem criou os designs de personagens e efeitos especiais para os filmes originais da franquia. Além disso, dirigiu Capitão América, sucesso comercial e de crítica.

    Christopher Nolan:
    um dos diretores mais badalados da atualidade revolucionou os filmes adaptados de quadrinhos com sua trilogia de Batman. Depois de Superman: Man Of Steel, ele estará liberado de suas obrigações com a DC, e seria uma boa opção para empunhar o sabre de luz.

    Matthew Vaughn:
    X-Men: Primeira Classe agradou bastante os fãs dos mutantes. Ele chegou até a conversar com os executivos da Disney sobre uma possível direção do filme de Thor, o que acabou não acontecendo. Mas, pelo menos, ele já conhece os chefões.

    David Yates: já provou que consegue lidar com uma franquia amada ao finalizar muito bem a série Harry Potter no cinema. Conseguiu algo difícil: balancear um filme entre algo obscuro e algo que agrade toda a família.

    Alfonso Cuaron: outro que já passou por Harry Potter (Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban). No ano que vem, estreia seu próprio drama de ficção científica, com Sandra Bullock e George Clooney. Também produziu O Labirinto do Fauno, que trouxe monstros para a telona. Não é a melhor, mas é uma das opções.

    Zack Snyder: o tipo de diretor que você ama ou odeia. Dirigiu os ótimos 300 e Madrugada dos Mortos (remake de 2004). Seu próximo projeto a sair do forno é o reboot de Superman, que pode ser decisivo em sua carreira. Também é um grande fã de Star Wars.

    Josh Trank: o novato diretor ganhou nome graças à Poder Sem Limites, de 2011, que trouxe renovação à ficção científica. Graças ao longa, seu próximo trabalho será o novo Quarteto Fantástico, o que pode tirá-lo da disputa pela franquia criada por George Lucas.

    Duncan Jones: foi considerado para dirigir o novo Superman e Dredd. Ganhou fama graças à seu filme indie Lunar, de 2009, o que já indica uma queda por assuntos espaciais.

    Brad Bird: já ganhou dois Oscars por filmes feitos na Pixar, e sua transição para o live-action não poderia ter sido melhor: Missão Impossível IV - Protocolo Fantasma foi muito bem recebido e provou que Bird consegue lidar com franquias já estabelecidas.

    Drew Goddard: aprendiz do diretor de Os Vingadores, Joss Whedon, Goddard escreveu Robopocalypse, filme ainda inédito de Spielberg, além de ser o diretor do recente sucesso O Segredo da Cabana.

    Seth MacFarlane: diretor do polêmico Ted e criador da também polêmica série de TV Uma Família da Pesada, McFarlane é declaradamente um fã de Star Wars, já tendo feito vários especiais que mesclam o universo de George Lucas com a família de Peter Griffin. Seth é uma escolha arriscada mas que, com certeza, respeitaria o material.

    Guillermo del Toro: referência quando se fala em filmes com monstros e ficção científica. Quase dirigiu O Hobbit e está às vésperas da estreia de Pacific Rim, que mistura robôs e aliens.

    George Miller: o mais velho da lista. Dirigiu os Mad Max originais e está na direção dos remakes. Foi até considerado para dirigir o futuro filme da Liga da Justiça.

    E você? Quem colocaria pra dirigir Star Wars - Episódio VII?