cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Sucesso na Netflix é adaptação sufocante de história real

    Eu Sou Todas as Meninas retrata caso real sobre tráfico humano
    Por Daniel Reininger
    18/05/2021 - Atualizado há cerca de 1 mês

    Um filme sul-africano extremamente visceral está bombando na Netflix! Eu Sou Todas as Meninas, lançado em 14 de maio, conta a história angustiante de uma investigadora em busca de derrubar uma quadrilha de tráfico sexual infantil na África do Sul. É uma trama pesada e vai deixar muito espectador atordoado.

    Baseado em fatos, esse suspense psicológico segue Ntombizonke Bapai (Hlubi Mboya), uma mulher que foi raptada para o tráfico sexual quando menina e dedicou sua vida adulta à prevenção desses casos.

    História real

    Na trama,  Ntombizonke Bapai (Hlubi Mboya) foi raptada para o tráfico sexual quando menina e agora trabalha ao lado da detetive Jodie Snyman (Erica Wessels) para descobrir a verdade e buscar justiça.

    O filme é baseado em uma história verdadeira, mas o longa não comenta o caso exato em que se baseia, mas o crime central mostrado na trama é inspirado na vida de Gert van Rooyen, um pedófilo e serial killer sul-africano.  Entretanto, muitos fatos foram modificados na narrativa, claro.

    Na vida real, entre 1988 e 1989, o criminoso e seu cúmplice Joey Haarhoff sequestraram seis meninas e são suspeitos de terem assassinado muitas outras joven. Sua última vítima, Joan Booysen, conseguiu escapar e alertou a polícia.

    Logo depois de descobrir a fuga da garota, Rooyen matou seu parceiro e cometeu suicídio. Pouco se sabe sobre os casos além disso. 

    Entretanto, após a morte do serial killer, o filho do criminoso, Flippie van Rooyen, foi a público e alegou saber da participação de três ex-ministros do Partido Nacional no esquema de tráfico infantil. 

    Ela afirma também que algumas das meninas desaparecidas foram levadas para o Oriente Médio. Tenso!

    É uma trama pesada e a atriz Hlubi Mboya revelou em entrevista à estação de rádio sul-africana CapeTalk que foi tomado muito cuidado para contar essa história tão complicada: “A maneira como lidamos com o filme foi com o máximo de cuidado, fragilidade, vulnerabilidade e amor.”

    Cena de Eu Sou Todas as MeninasReprodução
    Continua após o anúncio

    Elenco e personagens

    O filme conta com:

    • Deon Lotz como FJ Nolte
    • Erica Wessels como Jodie Snyman
    • Masasa Mbangeni como Thamsanqa
    • Israel Makoe como cafetão
    • Brendon Daniels como Diretor de Investigação Samuel Arendse
    • Hlubi Mboya como Ntombizonke Bapai
    • Mothusi Magano como Capitão George Mululeki
    • Matt Stern como advogado de Salim Khan
    • Lizz Meiring como namorada de Gert
    • Ben Kruger como Oupa Carel Duvenhage
    • Mampho Brescia como irmã chefe
    • Federico Fernandez como jovem chefe iraniano
    • Khutjo Green como Agnes
    • Kaseran Pillay como Pharwaz Khan
    • Rafiq Jajbhay como chefe iraniano

    Onde ver

    O longa já está disponível na Netflix. Veja o trailer:

    Conteúdo Relacionado